14.8.16

Alecrim: propriedades medicinais

 

Características botânicas e propriedades medicinais do alecrim


>> O alecrim é uma espécie arbustiva, muito ramificada, que pode alcançar 1,5 metros de altura. Seu nome científico Rosmarinus significa em latim "orvalho que vem do mar", essa denominação foi dada pelos romanos devido ao aroma da planta, que vegetava espontaneamente em regiões litorâneas.

As hastes do alecrim são lenhosas e as folhas são filiformes (veja foto do alecrim abaixo), pequenas e sempre verdes na parte superior e esbranquiçadas no verso, com pêlos finos e curtos. As flores são axilares e podem ser azuis, brancas, roxas ou róseas. Floresce durante o ano todo. São muitas as variedades de alecrim, com porte maiores ou menores e cores diferentes de folhas e flores.

como fazer chá de alecrim
Alecrim

O alecrim é indispensável nos jardins mediterrâneos. E podemos plantar variedades arbustivas que servem inclusive para topiaria ou variedades com porte herbáceo, para canteiros e bordaduras. É uma planta extremamente útil, pois têm vocação medicinal, religiosa e culinária. Pode ser acrescentado fresco ou seco à pratos de frango, porco, cordeiro, cabrito, vitela e caça, além de aromatizar óleos, sopas, sucos, etc.


Artigos relacionados
  1. Hortelã-miúda
  2. Sálvia - fonte de vida?
  3. Plante temperos em seu próprio vasinho 
  4. Especiarias - receitas 
  5. Medicina Indiana 
  6. Chá - beneficia atletas  
  7. Manjericão (alfavaca) - benefícios
  8. Orégano para diabetes 

Alecrim Propriedades Medicinais


Indicações do alecrim:





Reumatismo, depressão, cansaço, gases intestinais, debilidade cardíaca, inapetência, cicatrização de feridas.

Propriedades do alecrim:

Estimulante, rejuvenescedor nadural, anti-espasmódico, vasodilatador, anti-séptico, anti-inflamatórios e digestivo. Seus benefícios se dão principalmente devido ao ácido rosmarínico.

Chá de alecrim para rejuvenescimento

Curiosidade histórica sobre a propriedade do chá de alecrim no rejuvenescimento: O chá de alecrim é muito consumido e tem diversas indicações. Seu uso iniciou na Idade Média e Renascimento, sendo usado para o rejuvenescimento, como conta uma história a respeito da rainha Elisabeth, da Hungria, que estava paralítica e sofria de gota aos setenta e dois anos, ao receber a receita de um monge e recobrar a saúde e a alegria.

Partes usadas do alecrim: Flores e folhas

Como fazer chá de alecrim:

Faça com o alecrim chá em infusão com água fervente. Ferva a água, apague o fogo e adicione as folhas de alecrim. Use 20g para 2 litros de água.

Atenção: Não exagere no consumo do chá de alecrim, pois pode irritar o sistema gastrointestinal e provocar hemorragias.
Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner