21.11.15

Substitua o sal dos alimentos por condimentos saudáveis

É recomendação de 10 entre 10 médicos cardiologistas, se você é hipertenso (pressão alta), diminua drasticamente o sal dos alimentos (entenda por que) e, assim, substitua o sal dos alimentos por condimentos saudáveis. É que na composição química do sal, o cloreto de sódio (NACL), está presente o elemento sódio (Na), responsável por reter líquidos no organismo e elevar a pressão arterial.

Lembrando que a pressão ideal é 12x8, aceitável 13x9, mas se você apresenta constantemente pressão acima de 14x10, é bom procurar um médico.

Dentre as alternativas ao sal na alimentação estão as ervas aromáticas que dão sabor e aroma aos pratos e o sal light. Veja cada um dos substitutos do sal:


SUBSTITUTOS DO SAL: condimentos saudáveis



1. Sal Ligth


A diferença entre o sal comum e o sal light está em sua composição química. Enquanto o sal comum é composto por cloreto de sódio (NaCl), o sal light é composto por uma mistura em partes iguais de NaCl e KCl (cloreto de potássio).

MAS ATENÇÃO! Se substituir o sal comum pelo light, não aumente o seu consumo. O recomendável é que se siga as medidas liberadas para o consumo do salde cozinha. Além disso, quem sofre de insuficiência renal deve evitar o consumo de sal light devido ao potássio.

Substitutos do sal: condimentos saudáveis
salsinha é um dos substitutos do sal

Veja também: Diferença entre sal refinado, sal marinho e sal mineral.

2. Temperos aromáticos:


- Orégano: É talvez a erva-tempero mais consumido no Brasil. De sabor pronunciado, basta acrescentar uma pequena quantidade de orégano para dar sabor aos alimentos. Combina com massas e pratos da culinária italiana, principalmente pães, pizzas, berinjela, abobrinha, tomate, batata, molhos, além de carnes vermelhas e frango, queijos e torradas.

- Manjericão: Seu uso tradicional é em molhos vermelhos, mas também combina com carnes, saladas, tomates, massas e pizzas. O manjericão deve ser acrescentado no final do preparo.

- Alecrim: Se usados durante o cozimento acrescente o ramo inteiro do alecrim ou pique-os para utilizar quando assim que apagar o fogo. Combina com peixes, carne de cordeiro e de porco (lombo), legumes e em sopas de cenoura, mandioquinha ou abóbora e gaspacho. Massa de pães ficam deliciosas com alecrim.

- Hortelã: Extremamente comum em pratos árabes. A hortelã combina com carne de cordeiro e lombo. De aroma refrescante, é utilizada em saladas e molhos gelados e geleias. Vai em preparações árabes como quibes, esfihas, tabules (salada árabe), pepinos, berinjelas, abobrinhas e tomates.

   Receitas (em meu blog de receitas saudáveis):
     - geleia de hortelã;
     - molho de hortelã para cordeiro;
     - molho de hortelã para saladas;
    

- Louro: Combina com feijão, legumes, ensopados, sopas e caldos. Além da tradicional versão em folhas, já há no mercado a opção de louro em pó.

- Sálvia: Extremamente perfumada, esta erva combina com carnes cozidas com legumes, cordeiro e lombos.

- Tomilho: Sabor marcante, mas delicado. Excelente em batatas cozidas ou assadas, além de carnes, especialmente costelas (vaca atolada) e peixes.

- Curry e açafrão: Dão cor, sabor e saúde aos alimentos, o curry tem se destacado pelas recentes descobertas da medicina. Vai bem com frango, arroz e pratos de origem chinesa e indiana. Dica: o curry e o açafrão (e sumo de 1 laranja) combinam perfeitamente com lentilha.




- Cheiro verde: a composição salsinha e cebolinha vai em praticamente todos os pratos brasileiros. Até o orégano perde para ele. Feijão, batatas, saladas, chuchu, abobrinha, berinjela, gaspacho, tomates, tabule, carnes, aves, tortas,....

- Gengibre: Está cada vez mais sendo incorporado à nossa culinária. O gengibre entra na composição de sopas de cenoura, yakissobas, frangos, molhos agridoces, saladas, etc...

- Pimenta vermelha: Desde que usada com moderação as pimentas vermelhas acrescentam muito sabor e saúde aos alimentos. Carnes, feijoadas, sopas, etc.

- Alho e cebola: Qualquer refogado com cebola e alho deixa a comida com um gostinho brasileiro e saboroso.

Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner