7.5.10

Azeite de oliva pode ser usado em frituras?

Muito se fala dos benefícios do azeite de oliva. E uma dúvida que a maioria das pessoas tem é: azeite de oliva pode ser usado em frituras sem perder suas propriedades e benefícios?

Fui buscar resposta e encontrei uma que é muito fácil de entender, da Revista Saúde.

Leia o trecho abaixo:

AZEITE DE OLIVA PODE SER USADO EM FRITURAS?


1. Posso aquecer o azeite na hora de preparar a comida?


"Pode desde que você não submeta o óleo de oliva a uma temperatura acima de 180 graus centígrados por um longo período — e você facilmente alcança isso quando vai fritar alguma coisa. Em um calor desses, as gorduras benéficas que compõem o azeite são modificadas de tal maneira que se voltam contra o nosso organismo.

Azeite de oliva em frituras?
azeite de oliva extra-virgem

Boa parte das gorduras insaturadas, que são nossas parceiras, se transforma em gorduras que patrocinam o desequilíbrio das taxas de colesterol e disparam males cardiovasculares.

Portanto, na hora de preparar a comida, pode aquecer, mas tente usar o azeite no máximo para refogar um ingrediente por alguns instantes.

Artigos relacionados:
-Quanto de gordura as frituras absorvem
-Batatas fritas: calorias e gordura
-O que são gorduras trans
-O que são gorduras insaturadas
-O que são gorduras saturadas
-Feijoada vegana-receita
-Óleo de abacate
-Alimentos que baixam o colesterol ruim
Uma opção melhor ainda será usar o óleo de oliva em temperatura ambiente assim que o prato ficar pronto. Derrame um fio sobre ele e misture bem para dar aquele toque final. Claro, também vale usar o azeite como tempero de receitas frias, como saladas."



O texto acima sobre o que acontece quando se aquece o azeite, especialmente em frituras veio do site da Revista Saúde.
Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner