4.11.10

Dieta Mediterrânea, cardápio reduz mortalidade

A dieta mediterrânea é baseada em dietas tradicionais dos países banhados pelo Mar Mediterrâneo, como Itália, Grécia e Espanha.

A dieta mediterrânea inclui vegetais frescos, frutas, azeite, peixe e vinho tinto com moderação.

Vários estudos têm mostrado que este tipo de dieta pode proteger contra doenças crônicas e  tornar a vida mais longa e saudável.

Artigos relacionados:
-Quanto de gordura as frituras absorvem
-O que são gorduras trans
-O que são gorduras insaturadas
-O que são gorduras saturadas
-Dieta Atlântica como fazer
-Dieta do mediterrâneo para a saúde cardíaca
-Azeite de oliva em frituras 
-Óleo de abacate
-Alimentação dos esquimós
-Alimentos que baixam o colesterol ruim

Um estudo recente publicado na edição de novembro da revista American Journal of Clinical Nutrition, foi realizada por Francesco Sofi, um nutricionista da Universidade de Florença, que examinou sete novos estudos publicados nos últimos dois anos que avaliaram os efeitos benéficos da dieta mediterrânica para a saúde.

Através da ferramenta de análise de meta com a qual resumiu os dados de vários ensaios clínicos, chegou à conclusão de que, após a dieta mediterrânea reduz-se em 8% as mortes, 10%, doença cardiovascular, 6% de câncer, 13% das doenças neurodegenerativas como a doença de Alzheimer.

Uma grande vantagem da dieta mediterrânea é que ela não apenas traz benefícios como também é muito saborosa, com cardápios variados.Fonte: Herbalwater
Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner