23.7.14

Cápsulas de óleo contra TPM

Há algum tempo os médicos ginecologistas prescrevem medicamentos a base de ácidos graxos para tratar os sintomas da TPM, como o óleo de prímula ou o óleo de borago (ou borragem), cujo nome comercial mais conhecido é o Gamaline V.

Porém, embora muitas mulheres notassem melhora dos sintomas da TPM, não havia comprovação científica para tal ação dos ácidos graxos, ou seja, que as cápsulas de óleo contra TPM funcionassem de fato.

Um estudo feito por pesquisadores da UFPE (Universidade Federal de Pernambuco) e publicado no "Reproductive Health", descobriu que cápsulas de ácidos graxos essenciais (contidos no Gamaline V) podem diminuir sintomas da TPM como cefaleia (dor de cabeça), dor no seio, inchaço e irritabilidade.

Como foi o estudo com os ácidos graxos (óleos) contra TPM


Participaram da pesquisa 120 mulheres de 16 a 49 anos que, durante seis meses, tomaram pílulas de 1 g ou 2 g de ácidos graxos (como óleo linoleico, ácido oleico e outros ácidos graxos poli-insaturados) ou placebo, com óleo mineral.

Nesse período, elas tomaram as pílulas por 15 dias a partir da metade do ciclo e preenchiam, diariamente, uma lista com sintomas, aos quais atribuíam notas.

As notas foram comparadas após três meses e, depois, após seis meses do início do teste. Quem tomou a pílula de ácidos graxos teve uma redução nos sintomas físicos e emocionais da TPM.

Artigos relacionados
- A TPM o chocolate e eu
- Vitamina B6 combate a TPM
- Suco para TPM
- TPM é cada vez mais comum entre adolescentes
- Alimentos para aliviar menopausa e TPM

Os valores foram comparados a uma nota padrão (99). No grupo que tomou a cápsula de 1 g, as notas atribuídas à gravidade dos sintomas foram 58 no terceiro mês e 35 no sexto mês.

O grupo de 2 g relatou melhora ainda mais expressiva.

Segundo Edilberto Rocha, ginecologista do Hospital das Clínicas da UFPE e um dos autores da pesquisa, os ácidos graxos levam à formação do mediador químico prostaglandina E1.

Este, por sua vez, regula a ação do hormônio prolactina, um dos responsáveis pelos sintomas da TPM.

Cápsulas de óleo contra TPM
cápsulas de óleo (ácidos graxos)

Ressalvas sobre o estudo das cápsulas de óleo contra TPM


Carlos Alberto Petta, professor de ginecologia da Unicamp, afirma que esse é um dos primeiros estudos sérios a respeito da ação dos ácidos graxos na TPM.

"A pesquisa traz uma nova luz a respeito de complementos alimentares que podem resolver os sintomas, ajudar a diminuí-los ou interagir com outros medicamentos."

Mas Petta afirma que faltam trabalhos para medir efeitos a longo prazo.

"Apesar dos méritos do estudo, não acredito que o tratamento possa ser colocado na prática imediatamente e trocar os tratamentos convencionais eficazes", afirmou César Eduardo Fernandes, presidente da Associação de Obstetrícia e Ginecologia do Estado de São Paulo.

As cápsulas de ácido graxo são vendidas em farmácias, como o Gamaline V, por exemplo. No entanto, os especialistas alertam para a necessidade da consulta médica antes de tomá-las e lembram que o alívio não é imediato.

Importante: O alívio dos sintomas da TPM começa a aparecer entre 3 e 6 meses de tratamento.

Efeitos colaterais do Gamaline V

Algumas mulheres podem apresentar quadro de hipotensão (pressão baixa) durante o tratamento com Gamaline V.

Fontes: Reproductive Health e Farmacêutica Renata Fraia
Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner