19.8.11

Farmacopeia brasileira será capacitada por Farmacopeia Americana

Farmacopeia: Brasil e EUA assinam acordo para capacitação

Especialistas da Anvisa e da Farmacopeia Americana assinaram, nesta quinta-feira (18/8), um acordo para a realização de atividades de capacitação entre as farmacopeias brasileiras e americanas. O objetivo é trazer para o Brasil atividades de capacitação em áreas consideradas prioritárias pela Anvisa e pela equipe da Farmacopeia Brasileira.

Ainda neste semestre pelo menos dois encontros deverão ser realizados entre especialistas brasileiros e norte-americanos. A Farmacopeia é o documento oficial de formulações, monografias e métodos utilizados no desenvolvimento, fabricação e análise de medicamentos. Trata-se de um documento estratégico para que o país tenha autonomia na produção de medicamentos.



"A Farmacopeia é o documento oficial de formulações, monografias e métodos utilizados no desenvolvimento, fabricação e análise de medicamentos."

O diretor-presidente da Anvisa, Dirceu Barbano, que participou da cerimônia de assinatura, acredita que há muitos espaços para que a relação entre as duas farmacopeias avance, mesmo com a diferença de estrutura existente entre os dois países. No Brasil, a Farmacopeia é coordenada pelo setor público, já nos EUA é uma atividade desenvolvida pelo setor privado.

“Há espaço para cooperação, de forma que o país tenha cada vez mais capacidade nesta área. Por isso a Anvisa tem valorizado a troca de conhecimento no ambiente internacional”, explicou Barbano.

A Farmacopeia Brasileira vem sendo publicada desde 1929. A última edição, lançada em 2010, está sendo impressa pela Fiocruz e já está disponível no site da Anvisa. Uma de suas principais atividades é o estabelecimento dos padrões que servem de modelo de qualidade para os medicamentos desenvolvidos pela indústria nacional.

Carlos Augusto – Imprensa/Anvisa
Fonte: Anvisa

O conteúdo do www.saudecomciencia.com é informativo e educativo. Não exclui consulta com profissional habilitado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner