Destaques!

    saudecomciencia photo saudecomciencia.png      photo dieta-1.png      photo dc873259-2d41-4b16-9430-80be161b9828.jpg      photo nutricaoo-1.png     banana verde 140x125 photo pasta-de-banana-verde-emagrece-receita1_zpsc02e5024.jpg
Publicidade

22.5.14

Septicemia o que é e quais sintomas


Saiba o que é septicemia e quais seus sintomas. Entenda a o que é septicemia (sepse ou infecção generalizada) e choque séptico (choque circulatório).

Septicemia o que é?


De uma maneira geral e didática podemos dizer que a septicemia (ou sepse) é quando as bactérias ou outros agentes infecciosos que estão infectando um determinado órgão migram através da corrente sanguínea por todo organismo.


Então, a infecção que era  localizada se espalha por todos os órgãos, provocando-lhes falência e levando - muitas vezes - o paciente à morte. A morte por sepsis (sepse ou septicemia) ocorre em cerca de 50% dos casos. Se tornando mais grave à medida que o tratamento demora para ser iniciado.

Septicemia, sintomas

  • febre muito alta (geralmente maior que 38,5ºC)
  • temperatura muito baixa (menor do que 35ºC)
  • leucócitos maior que 12,000 ou menor que 4000 cél/mm3 (mensurado no hemograma)
  • batimentos cardíacos elevados, a partir de 90 por minuto
  • respiração ofegante


Atenção: A presença de pelo menos dois dos sintomas acima já pode ser considerada um início de sepse.


Como o médico saberá que a infecção generalizada está em estágio avançado(grave)?
  • Queda da pressão sanguínea (hipotensão) evoluindo para choque séptico*
  • Paciente delirante ou inconsciente
  • Dificuldade de respirar
  • Coagulação diferente da normal
  • Funcionamento dos rins deficitária (é necessário iniciar uma hemodiálise, para filtrar o sangue)
  • Queda das plaquetas
  • Função do coração prejudicada


Como ocorre a morte por septicemia?


Os fatores mencionado acima começam a piorar até levar ao falecimento das funções dos órgãos e, consequentemente, a morte do paciente.

O que pode agravar uma infecção?


Pessoas debilitadas (com imunidade baixa como o jogador-médico Sócrates) podem evoluir rapidamente para uma septicemia.  [Leia mais no livro "Bacteriologia Clínica".]

*choque séptico


Quando todo o corpo começa a ficar inflamado (devido à infecção que se espalhou) ocorre a dilatação dos vasos sanguíneos de todo organismo, a pressão arterial cai de repente, caracterizando o choque séptico (choque circulatório). Os vasos sanguíneos dilatados se tornam permeáveis, os líquidos extracelulares provenientes dos vasos sanguíneos migra para os órgãos, o que promove edemas, sobretudo nos pulmões.

Artigos relacionados:
Antibiograma: o que é e para que serve.
Uso indiscriminado de antibióticos aumenta risco de casos de superbactéria.
Quantas bactérias tem no intestino?
Medidas de prevenção de infecções por microorganismos multirresistentes.
Prevenção de infecção hospitalar.
Bactérias que vivem na geladeira e estragam os alimentos.
 
Ads
Publicidade
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica

2 comentários:

Edu disse...

Post legal.

Já conhece o novo agreagador Linkorama?


Você pode enviar quantos links quiser e aumentar a visibilidade do seu blog.

Linkorama.com.br

gui disse...

o que matou ele realmente foi a cachaça e "." septcemia soh mata kem já tá com 1 pé e meio na cova. ou criancinhas muito marotinhas