16.12.11

Touca para quimioterapia evita queda de cabelos

A quimioterapia é um tratamento extremamente delicado, sendo utilizado no combate ao câncer. Apesar de sua eficiência, ela pode deixar o paciente um pouco debilitado, provocando alguns efeitos colaterais, como palidez, enjôos, vômitos, e a queda de cabelo.

Esse último problema é provocado devido ao uso de medicamentos que danificam o couro cabeludo. Para evitar que isso ocorra, está sendo desenvolvido um novo tratamento denominado.



Ele consiste na utilização de uma touca térmica hermética de gel de silicone fabricada pela empresa sueca Dignitana (imagem abaixo) a uma temperatura de 5º C, durante 15 minutos antes de iniciar a quimioterapia, devendo ser trocada a cada 45 minutos para que a temperatura gelada ideal atinja o couro cabeludo.

touca dignitana
A baixa temperatura provoca uma certa diminuição na circulação sanguínea, fazendo com que os medicamentos ajam com menos intensidade na região que está sendo submetida a esse processo, no caso o couro cabeludo.

Efeitos colaterais da touca para quimioterapia
A touca pode permitir que células cancerosas desgarradas permaneçam no couro cabeludo.

Outros problemas relatados são o fato de que algumas pacientes não conseguem tolerar as toucas frias, enquanto outras se queixam de dores de cabeça. [007 | Estadão] foto: [Guiame]
Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner