30.8.16

Sódio nos Alimentos: alimentos que contêm sódio em excesso

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que não sejam consumidos mais do que dois gramas de sódio por dia — o que equivale a cinco gramas de sal por dia (40% do sal é composto por sódio).

Segundo uma nova pesquisa, a média de consumo de sódio entre adultos no mundo em 2010 foi de aproximadamente quatro gramas. As principais fontes de sódio (cloreto de sódio - NaCl) são sal de cozinha, alimentos congelados e molhos ou temperos prontos.

Sódio nos Alimentos: alimentos que contêm sódio em excesso


Sódio nos Alimentos: alimentos que contêm sódio em excesso
Cristais de Sal/foto

1- Queijo parmesão
Ralado: 1.981 miligramas de sódio em 100 gramas de alimento.
Em pedaços: média de 1.402 miligramas de sódio em 100 gramas.


2- Macarrão instantâneo 
O popular "miojo" tem, cerca de 1.798 miligramas de sódio a cada 100 gramas de macarrão.

3- Mortadela
A versão normal apresentou uma média de 1.303 miligramas de sódio por 100 gramas de alimento. Já o teor de sódio da mortadela de frango contém 1.232 miligramas.

4- Maionese
A maionese contém aproximadamente 1.096 miligramas por 100g.

5- Bolachas
Biscoitos de polvilho cerca de 1.092 miligramas a cada 100 gramas do produto e, em biscoitos de água e sal, 741 miligramas por 100 gramas de bolacha.
O programa de redução de sódio da Anvisa estabeleceu que os biscoitos salgados atinjam, no máximo, 699 miligramas por 100 gramas do alimento.

6- Salgadinho de milho
779 miligramas de sódio por 100 gramas de salgadinho. Segundo a Anvisa os salgadinhos devem ter, no máximo, 747 miligramas por 100 gramas do alimento.

7- Hambúrguer de boi
701 miligramas de sódio por 100 gramas de hambúrguer.

8- Batata Frita
Cada 100 gramas de batata frita leva, em média, 624 miligramas de sódio.

Segundo a pesquisa...

Três em cada quatro adultos no mundo consomem cerca do dobro da quantidade diária de sódio recomendada pelos órgãos de saúde. Essa é a conclusão de um estudo apresentado nesta quinta-feira no encontro anual da Associação Americana do Coração, em Nova Orleans, Estados Unidos. Ainda segundo a pesquisa, o consumo excessivo de sal contribuiu para 2,3 milhões de mortes no mundo em 2010.




O estudo levou em consideração 247 levantamentos sobre nutrição que fizeram parte do Global Burden of Diseases 2010 (Carga de Saúde Global 2010), pesquisa que avaliou as doenças e mortes em todo o mundo ao longo de 20 anos. Segundo o novo trabalho, os habitantes de 187 países, que representam 99% da população mundial, excedem as recomendações da OMS sobre ingestão diária de sódio.
Fonte: Veja
Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner