21.9.15

Chá de magnólia previne o Alzheimer, diz estudo

Chá de magnólia pode prevenir o Alzheimer, segundo estudos.

A magnólia é uma flor nativa da China que contém diversas propriedades medicinais importantíssimas para o corpo e para a mente. Entre seus benefícios, está  prevenir o Alzheimer e outros tipos de demência, o auxílio no combate ao estresse, ajudar a controlar a ansiedade e estimular a memória; problemas comuns que afetam a grande parte da população atualmente.

Chá de magnólia previne o Alzheimer
Chá de magnólia previne o Alzheimer / Foto: Mario Mihal


O consumo regular, na forma de chá, além de controlar a ansiedade, modula os neurotransmissores cerebrais, melhora a memória, cognição, além de prevenir a doença de Alzheimer. Estudos - publicados na US National Library of Medicine / National Institutes of Health - comprovam a eficácia, pois libera a acetilcolina (molécula neurotransmissora que atua na passagem do impulso nervoso dos neurônios para as células musculares) e inibe a acetilcolinesterase.

Leia também: Romã previne Alzheimer, diz estudo.

No Alzheimer, a ação se dá pela inibição de uma proteína precursora da beta-amilóide, proteína causadora do Alzheimer. Sua casca possui duas poderosas substâncias: o magnol e o honokiol, que são antioxidantes e ricas em vitamina E. Além disso, o componente honokiol tem ação ansiolítica, ou seja, ajuda a diminuir a ansiedade e a tensão combatendo o estresse, agindo nas ansiedades relacionadas à elevação do hormônio cortisol.

Leia também: Pipoca de micro-ondas com manteiga pode causar Alzheimer.

A magnólia também é uma grande alternativa terapêutica de ansiolítico natural, principalmente nos pacientes idosos com início de demências. Outro ponto diferencial é que utilizada em doses habituais, não há efeitos de sonolência.

Por Dra. Sylvana Braga (www.sylvanabraga.com.br) – Nutróloga, reumatóloga, fisiatra e especialista em prática ortomolecular, também autora do livro “Dieta Ortomolecular – dieta natural para emagrecimento saudável e evitar definitivamente o efeito sanfona".

Leia também: Comer peixe pode evitar Alzheimer, diz estudo.

Ads
Conteúdo do Saúde com Ciência é informativo/educativo. Não exclui consulta médica Este artigo pertence ao Saúde com Ciência. Plágio é crime e está previsto no artigo 184 do Código Penal.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Deixe comentário/sugestão de artigo. Ler Regras para Comentários.

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner