22.3.17

Leite com chocolate e exercícios - combinação perfeita!

Um estudo recente descobriu uma combinação perfeita para quem se exercita (e - pasmem! - deliciosa): leite com chocolate. Entenda o porquê...
 

Leite com chocolate beneficia quem pratica exercícios


O leite com baixo teor de gordura, junto com o chocolate em pós, ajudam na resistência, constroem músculos, reduzem a gordura e ajudam a melhor o desempenho dos atletas.

Leite com chocolate e exercícios - combinação perfeita!

Isso porque, para se recuperar de uma atividade física, é importante repor o estoque de açúcar no organismo. A combinação entre o leite e o chocolate é perfeita, segundo o estudo, para repor as necessidades do nosso corpo.

Como foi o estudo que mostra que leite com chocolate faz bem


Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores fizeram dois estudos com ciclistas profissionais. Eles se exercitaram até ficarem extremamente cansados e depois tomara o leite com chocolate – em outros testes, tomaram outras bebidas, uma sem calorias e outra sem carboidratos.

► Leia também: Chocolate estimula a inteligência.

Os pesquisadores perceberam que o consumo do leite com chocolate ajudou a ter maior aumento de massa magra e redução de gordura corporal.






Vale lembrar que escolher chocolates em pó com menos açúcar para acrescentar ao seu leite é a melhor pedida!

fonte: Hype Science.
Leia Mais ►

13.3.17

Beer Yoga: Ioga com cerveja é atividade esportiva


Ioga com cerveja, uma nova modalidade de atividade física

Depois de ganhar os hipsters de Berlin, a Beer Yoga (BierYoga) foi parar na Austrália e já ganhou admiradores no mundo todo.

É claro que a ideia de combinar cerveja e Yoga nasceu na Alemanha – terra de quem sabe apreciar os sabores da vida – mas por lá ninguém botava fé que a prática ganharia outros países.

Beer Yoga ou bieryoga
Beer Yoga ou Bieryoga - foto 24hNews

Ledo engano. Uma adepta do exercício na Alemanha disse em entrevista para o site gringo Mashable que: “A Beer Yoga é o casamento entre dois amores que combinam, a cerveja e a yoga.

Fazer exercícios após estudos ajuda a memória

Afinal, por séculos elas serviram de terapia para a mente, o corpo e a alma”. Apesar do nome ser engraçado e da ideia ser bem inusitada, a Beer Yoga é uma coisa séria. O fundador da prática, Jhula, explica:

“Nós utilizamos toda a filosofia da yoga e a unimos com o prazer de beber cerveja para alcançar os níveis mais altos de consciência”.

Jhula ainda disse que se inspirou em outros mestres de Yoga norte-americanos que usavam o álcool para atingir uma concepção mais plena do universo.

Se você por acaso estiver dando uma volta por Sydney neste semestre, aulas serão ministradas em um parque público. A adesão? Apenas 10 dólares australianos.

Mas se você está no Brasil e ficou curioso para experimentar, vai ter que esperar. Ainda não existem mestres de yoga por aqui para orientar a prática. Se quiser arriscar, dá para fazer umas posições em casa com uma garrafa de cerveja do lado. É de graça.

Cerveja após exercícios hidrata como a água

Fonte: 24h news
Leia Mais ►

9 Benefícios das lentes de contato para praticar esportes

As lentes de contato gelationosas são a primeira escolha de correção visual para a grande maioria dos esportes.

“Quando comparadas aos óculos, elas ampliam o campo de visão o que já proporciona um melhor desempenho aos atletas.”;

Afirma a Dra. Laura**, que listou os principais benefícios das lentes de contato para a prática esportiva:

➤➤Leia também: Óculos de sol ajudam a prevenir problemas nos olhos

9 Benefícios das lentes de contato para praticar esportes

9 Benefícios das lentes de contato para praticar esportes


1 • Ampliam o campo visual: importante nos esportes em equipe, o atleta pode acompanhar a bola ou o adversário sem que a armação dos óculos restrinja a visão.

2 • Não escorregam do nariz com o suor ou com movimentos rápidos.

3 • Não apresentam reflexos que podem distorcer a visão.

4 • Podem ser usadas em qualquer esporte que envolva queda e contato, como ginástica e artes marciais.

5 • Podem ser usadas com máscaras ou qualquer tipo de capacete.

6 • Podem ser usadas por baixo de óculos protetores, caso o esporte exija.

7 • Não sobem e descem enquanto o atleta caminha, corre ou faz uma aula de aeróbica.

• Não quebram se algo ou alguém atingir o rosto acidentalmente.

8 • Não embaçam ou molham pela chuva em corridas ou escaladas: o atleta pode ver mais claramente.

9 • Por fim, são práticas de usar e confortáveis:

“As lentes de descarte diário são as mais práticas, seguras e saudáveis para os olhos, pois dispensam os cuidados diários de limpeza e manutenção das lentes, a necessidade de estojo e de solução desinfetante, diminuindo a incidência de complicações associadas ao mau uso e privilegiando a saúde ocular.”, garante a Dra. Laura.

Informações importantes para os usuários de lentes de contato


O uso de lentes de contato deve ser acompanhado regularmente por um oftalmologista. Siga a programação de uso e de troca e as instruções sobre a lente, fornecidas pelo fabricante, e os cuidados extras fornecidos pelo oftalmologista.

Não use lentes de contato se tiver infecção ocular ou desconforto, lacrimejamento excessivo, alterações da visão, vermelhidão ou outros problemas oculares. Se um desses problemas ocorrer, entre em contato com seu oftalmologista imediatamente.

➤➤Leia também: Cirurgia de correção de grau é mais simples do que parece

Cuidados com as lentes de contato


Você nunca deve compartilhar as lentes de contato com outras pessoas. Para obter mais informações sobre uso, cuidados e segurança apropriados, consulte o guia de instruções ao usuário (fornecido com o produto), ou fale com seu oftalmologista, ou telefone para a Central de Relacionamento com o Consumidor (0800 762 54 24) ou visite a página acuvue.com.br.

Fonte: **Dra. Laura Cardoso, consultora médica da Johnson & Johnson Vision Care, fabricante das lentes de contato ACUVUE®.

Leia Mais ►

26.1.17

Falta de exercícios físicos prejudica mulheres na terceira idade

A falta de exercícios físicos afeta o equilíbrio, a agilidade e o reflexo das mulheres com mais de 70 anos.

Isso é o que apontou um estudo inédito da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, feita em parceria com o Centro de Estudos do Laboratório de Aptidão Física de São Caetano do Sul (Celafiscs).

Falta de exercícios físicos prejudica mulheres na terceira idade
Falta de exercícios físicos prejudica mulheres na terceira idade

Segundo Sandra Matsudo, coordenadora da pesquisa, o resultado do estudo demonstrou que as mulheres sedentárias apresentam mais dificuldades de executarem atividades simples e correm mais risco de adquirir doenças. A prática de atividades físicas, tais como uma caminhada diária de 30 minutos ou até mesmo a utilização de escadas no lugar do elevador, aumenta a qualidade de vida, reforçou a pesquisadora.

O estudo acompanhou cerca de 300 mulheres, com mais de 50 anos, todas sedentárias. Elas foram divididas em dois grupos: um que reunia mulheres entre 50 e 59 anos de idade e outro, mulheres com 70 anos ou mais. Estas mulheres foram submetidas a vários testes físicos, que demonstraram, por exemplo, que a falta de exercícios afeta principalmente o equilíbrio.

Ao serem submetidas a um teste de equilíbrio com duração de 30 segundos, as participantes que tinham entre 50 e 59 anos conseguiram manter-se equilibradas por 24 segundos. As entrevistadas que tinham mais de 70 anos, submetidas ao mesmo teste, mantiveram o equilíbrio por cerca de 13,40 segundos, uma queda de 78,8% na capacidade de equilíbrio.

O estudo mostrou também que o sedentarismo na terceira idade compromete a agilidade. Ao participarem de um exercício de locomoção, que exigia caminhar por um curto trajeto, as entrevistadas entre 50 e 59 anos fizeram o percurso em 2,5 segundos. Já as mulheres com idade superior a 70 anos fizeram o mesmo percurso em 3,11 segundos, o que apontou mais dificuldade no ato de caminhar.

Outro aspecto que fica comprometido é o reflexo. Quando expostas a um exercício que previa levantar e sentar numa cadeira repetidamente, durante 30 segundos, as mulheres com idade entre 50 e 59 anos fizeram uma média de 19,35 repetições. As mulheres com mais de 70 anos fizeram 17,36 repetições, em média.

Ao comparar o desempenho dos dois grupos, o estudo também apontou perda de força e de massa muscular. O índice de massa corpórea (IMC), por exemplo, apresentou queda de 5,47%. Já um teste de impulsão para constatar a força dos membros inferiores apontou queda de 28,43%.

Leia mais artigos de saúde do idoso  |  saúde da mulher

Fonte: Agência Brasil.
Leia Mais ►

22.12.16

Fazer exercícios após estudos ajuda a memória

Realizar atividades físicas após estudos ajuda na memorização, afirma neurologista

Quem pensava que atividade física era benéfica somente para manter uma boa aparência vai se surpreender com uma pesquisa holandesa que estudou a relação entre memória e atividades aeróbicas.
Fazer exercícios após estudos melhora a memória

Os autores do trabalho que foi publicado na edição de junho da revista Current Biology, acreditam que fazer exercícios após estudos melhora a memória, ou seja, exercícios físicos ajudam o cérebro a guardar as informações por mais tempo, em função das reações químicas impulsionadas pela movimentação do corpo.

A Dra. Bruna Mendonça, neurologista do Hospital Santa Luzia, em Brasília, explica que atividades físicas são responsáveis por ativar o hipocampo, região extremamente importante para memória, além de liberar neurotransmissores do grupo catecolamina (dopamina, adrenalina, e noradrenalina).

“Também é uma forma de ativar os endocanabinóides, que são responsáveis pela atividade anti-inflamatória cerebral. Dessa forma, seria interessante a prática de atividades físicas até como forma de prevenção de doenças neurodegenerativas, como o Alzheimer ”, explica.

Embora o estudo tenha sido testado em um grupo pequeno de pessoas, a médica diz que a novidade abre portas para futuros debates sobre o assunto.

“Ainda não podemos afirmar categoricamente que todos devem fazer atividades físicas 4 horas após estudar para conseguir melhor desempenho. Porém, este estudo é importante, pois a partir de agora podem surgir outras análises para aprofundar este tema", diz.

Estímulos

Aprender coisas novas e fora da área de atuação estimulam o cérebro e mantém a atividade. Segundo a médica, o órgão tem grande capacidade de se moldar e melhorar. “Aprender a pintar, aprender novas línguas e fazer palavras cruzadas, por exemplo, são estímulos muito benéficos”, completa.

Qualquer atividade deve ser bem escolhida para que seja eficaz. Dra. Bruna acredita que Boxe e futebol americano são opções arriscadas. “Traumatismos cranianos repetitivos já possuem relação estabelecida com danos à memória.", finaliza.

Complemente sua leitura com o artigo Dicas para ter boa memória.

Leia Mais ►

14.12.16

Dicas de saúde infantil nas férias

Segundo Dr. Rene Abdalla, cerca de 50% das lesões infantis poderiam ser evitadas com medidas preventivas

Saúde Infantil: As férias escolares chegam sempre acompanhadas de muita diversão, viagens, passeios, além de mais tempo livre para as brincadeiras. Mas o período exige atenção redobrada dos pais para evitar lesões nas brincadeiras dos filhos.



Criança andando de bicicleta
criança andando de bicicleta/foto
Praticar esporte, seja do passeio de bicicleta à “pelada”, ensina à criança o valor do esporte e da disciplina. No período de férias, as atividades físicas se intensificam, mas a prática esportiva em crianças e adolescente requer cuidados especiais. Muitos, se não tiverem a orientação correta nesse período, podem voltar às aulas com fortes lesões.

A coordenação motora infantil, ainda em desenvolvimento, implica menor velocidade de reação física em comparação com a dos adultos. Conforme as crianças crescem e se fortalecem, os riscos de lesões também aumentam. Geralmente, as crianças menores de 10 anos se machucam em playground. Já os adolescentes tendem a se lesionar por meio da prática de esportes, além das quedas de bicicleta.

Nas práticas esportivas, as lesões podem ocorrer como resultado de quedas, batidas, boladas, torções, entre outros. Assim, todos os esportes e exercícios físicos implicam riscos e a única solução é prevenir.

Os pais são aliados importantes e precisam se informar das causas e das formas de prevenir lesões, sendo fundamental que propicie a seus filhos a oportunidade de praticar esportes de maneira segura.
 “No HCor, durante as férias do ano passado, recebemos 10% a mais de atendimentos de crianças lesionadas durante as recreações. As lesões mais frequentes são contusões (traumas que afetam somente as partes moles das articulações) e lesão da cartilagem”, explica Dr. Rene Abdalla, ortopedista e responsável pelo Instituto do Joelho HCor.
Estima-se que mais da metade das lesões ocorridas durante atividades esportivas envolvendo crianças e adolescentes possa ser prevenida se os pais tivessem tomado os devidos cuidados e tido orientação.
“A utilização de equipamentos corretos, como calçados apropriados, treinamento com técnica adequada, supervisionado por treinadores e técnicos, exercícios de alongamento muscular ou de flexibilidade, além de avaliação médica e multiprofissional estão entre as principais medidas preventivas”, esclarece o ortopedista.
É importante o uso de capacete nas atividades que utilizem equipamentos de roda, por menor que seja o percurso. A escolha do calçado, tamanho e tipo adequado também é muito importante. Esportes como o futebol exige o uso de chuteira, pois os cravos de plástico facilitam a aderência ao gramado. O mesmo calçado, no entanto, não serve para bicicleta ou skate.
 “O uso de um calçado apropriado é importante para a prática esportiva, assim os pais não devem permitir que as crianças joguem ou pratiquem esportes descalças ou com sandálias, para evitar lesões mais sérias nos pés”, alerta o ortopedista.

Dicas para prevenir lesões com as crianças nas férias durante as atividades físicas:

Avalie os níveis de dificuldade de cada esporte para ver se eles são compatíveis com a idade e o tamanho da criança. Por exemplo: uma bicicleta de adulto não serve para uma criança;

- Garanta que a criança, ao andar de bicicleta, patins ou skate, sempre utilize roupas adequadas e proteção apropriada, como capacete, joelheiras e cotoveleiras. E que pratique essas atividades em locais próprios e seguros;

- Antes de começar qualquer esporte, as crianças devem passar por um exame médico completo;

- Verifique se a pessoa que treina a criança está capacitada a prestar um serviço de primeiros socorros em caso de acidentes;

- Verifique se o ambiente de treinamento é adequado para prática esportiva;

- As crianças devem ter um tempo adequado de intervalo entre as atividades e não devem continuar a jogar se estiverem machucadas.

Centro de Ortopedia e Reabilitação no Esporte do HCor – Hospital do Coração:
Considerado um dos mais importantes centros nacionais da especialidade, o Centro de Medicina Esportiva do HCor reúne uma equipe altamente especializada com os mais modernos recursos tecnológicos para dar assistência a todas as patologias ortopédicas.

Leia Mais ►

6.11.16

Cerveja após exercícios hidrata como a água

À primeira vista as pessoas que adoram beber cerveja irão adorar essa notícia. Beber cerveja após a prática de exercícios físicos hidrata o corpo tanto quanto a água. Contudo, isso só é verdade se o consumo da cerveja for moderado. Isso porque o álcool tem o poder de desidratar o organismo, e a cerveja contém álcool. Leia matéria abaixo.

O consumo moderado de cerveja após a prática de exercício físico intenso hidrata na mesma medida que a água, segundo as conclusões de pesquisa realizada pelo Conselho Superior de Investigações Científicas (CSIC) em colaboração com a Universidade de Granada, cujo trabalho foi apresentado em Salamanca.

Ademais, os especialistas destacam as propriedades nutricionais da cerveja, mas sempre que mantido seu consumo dentro dos limites aconselhados para bebidas alcoólicas.

Javier Romeo Martín, pesquisador do Instituto do Frio do CSIC e um dos autores desse estudo, explicou em declarações à DiCYT que “a cerveja é uma bebida amplamente aceita na cultura mediterrânea” e que “tem um alto conteúdo de água, sendo assim uma bebida hidratante”. Além disso, a cevada e o lúpulo lhe conferem vitaminas B, minerais e antioxidantes.
“Parece que o consumo moderado de cerveja pode ser integrado em um conceito de dieta saudável”, sobretudo quando acompanha as refeições e, de fato, a Sociedade Espanhola de Nutrição a incorporou as suas recomendações, indica o especialista.


Artigos relacionados
-Beber leite emagrece
-Leite de amêndoas - receita
-Leite hidrata mais que água
-Cerveja faz bem para os ossos

No entanto, neste caso a pesquisa focou-se em um aspecto muito concreto: as possíveis propriedades desta bebida alcoólica como reidratante. Para tal, foram selecionadas 20 pessoas saudáveis, jovens e acostumadas a praticar esporte e a um consumo moderado de álcool, submetendo-as a uma atividade física intensa em condições de temperatura elevada. Concretamente, foram dois testes de esforço físico em laboratório: após um deles, proporcionou-se toda a água desejada pelos atletas para sua recuperação; após o outro, foram oferecidos 660 mL de cerveja (o equivalente a duas latinhas), mais toda a água desejada, se ainda tivessem sede.

Resposta imune

Depois de medir distintos parâmetros para observar a reidratação após o teste físico, “não encontramos diferenças e inclusive após o teste em que somente tinham bebido água encontramos algumas mudanças negativas, como o aumento na produção de um mediador imune inflamatório que não foi detectado após a ingestão de cerveja”, afirma Javier Romeo Martín. Portanto, conclui que esta bebida alcoólica é uma alternativa aceitável à água nestas condições.





Apesar de tudo, o pesquisador aponta que este tipo de informações a respeito do álcool somente é exposto em ambientes profissionais relacionados com a Ciência, como neste caso, o Colégio Oficial de Médicos de Salamanca, para evitar mensagens confusas aos consumidores. Assim, atenta para o fato de que o consumo de álcool diário recomendado não deve exceder os 20 gramas no caso das mulheres e os 30, no caso dos homens. Em relação à cerveja, isso supõe que se pode beber duas latas de cerveja ou três chopes pequenos, como máximo.
Leia Mais ►

5.10.16

Quick massage, beneficios e indicações

A Quick massage é uma massagem rápida, com duração de 15 minutos a meia hora, aplicada no próprio ambiente de trabalho, sem necessidade de roupas apropriadas nem óleos. a quick massagem enfatiza o relaxamento muscular das regiões cervical, dorsal e membros superiores, desbloqueio das tensões musculares, melhora a postura e o fluxo energético do corpo.

A Quick Massage é aplicada com a pessoa numa cadeira especialmente elaborada, fazendo-se pressões com a polpa dos dedos, palmas das mãos e cotovelos , proporcionando alívio imediato das tensões.

Quick massage, beneficios e indicações
Quick massage, beneficios e indicações

Indicações da quick massage:

  1. redução do stress, 
  2. prevenção de desconfortos musculares, 
  3. cansaço, 
  4. desânimo.

Principais Benefícios da quick massage:


  1. Aumenta a produtividade, 
  2. Aumenta a concentração e motivação, 
  3. Alivia a tensão muscular, 
  4. Reduz a ansiedade e irritação, 
  5. Melhora a disposição, 
  6. Melhora o humor, 
  7. Ativa a circulação do sangue, 
  8. Melhora a qualidade respiratória, 
  9. Provoca a redução de quadros álgicos (dor), 
  10. Produz a sensação de calma e paz interna. 

História da Quick massage






A quick massage ou massagem expressa, foi criada em Nova York pelos japoneses, ao notarem que no dia a dia do maior centro comercial do mundo, pessoas andavam estressadas e sem tempo para realizar uma secção completa de massagem. Ela utiliza técnicas criadas a partir das massagens Shiatsu e Tui-ná.

Comentário Saúde com Ciência sobre a quick massage: 


Além dos benefícios acima descritos, outras vantagens dessa forma de "alívio das tensões" são o preço e a breve duração , em média 15 min , possibilitando que se faça por exemplo na hora do almoço. Quem escreve e digita muito, como eu, beneficia-se no momento em que a massagem é concentrada nas mãos.Vale a pena.
Leia Mais ►

6.8.16

Dicas de como ganhar mais massa muscular

Sabia que os benefícios do ganho de massa muscular vão muito além da estética? O tecido da chamada massa magra (músculos) apresenta atividade metabólica acelerada se comparada à massa gorda (tecido gorduroso). Assim, se você ganhar mais massa muscular, mais acelerado será o seu metabolismo, impactando positivamente as funções fisiológicas do corpo, indo do sono à eliminação de gordura corporal até o controle do colesterol.

Leia também: Esportes rejuvenescem os músculos.

Depois de saber de tudo isso, aposto que você já se convenceu da importância de ganhar mais massa muscular, não? Vamos ver algumas dicas para ganhar massa muscular?

Dicas de como ganhar mais massa muscular
Dicas de como ganhar mais massa muscular / fonte: RyanMcGuire

DICAS PARA GANHAR MAIS MASSA MUSCULAR



1. Evite fazer exercícios aeróbicos antes dos musculares


Se a prioridade é ganhar massa muscular, o ideal é fazer o treino de força antes ou intercalado com os exercícios aeróbicos, como a corrida.

2. Faça algum tipo musculação 


Fazer musculação não significa necessariamente levantar peso em máquinas de academia.


Leia também: Leite com chocolate e exercícios - combinação perfeita!

3. Dê descanso ao músculo





Embora a prática de atividade física tenha de ser frequente, o mesmo grupo muscular não deve ser exercitado dois dias seguidos.

4. Varie os exercícios para ganhar massa muscular

"Nosso organismo sempre trabalha para que o exercício seja confortável para ele", diz Vladimir Bonilha Modolo, educador físico e mestre em fisiologia pela Unifesp.

5. Alimente-se adequadamente


Antes da atividade física, coma carboidratos. Prefira os complexos, como batata doce e pão integral, e não o açúcar simples, pois os carboidratos complexos demoram mais para liberar a glicose. Após o exercício, o organismo precisa repor a energia que gastou com mais carboidrato. Também consuma algum tipo de proteína, para restaurar a integridade do músculo.

Leia também: Alimentos para esportistas, que ajudam no pré e pós-treino.

6. Comece aos poucos


Quem não está acostumado a praticar musculação não devem iniciar um treino de hipertrofia logo de cara, ainda que o objetivo seja ganhar massa muscular.



Leia Mais ►

9.6.16

Praticantes de atividades físicas comem açúcar e estão em forma

O ingrediente tem papel fundamental como fornecedor e repositor de energias, principalmente para pessoas ativas

Resultados da pesquisa “Consumo equilibrado: uma nova percepção sobre o açúcar”, realizada pelo Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia no âmbito da Campanha Doce Equilíbrio, apontam que dos entrevistados praticantes de atividade física, 67% consomem açúcar, sendo que a maioria (73%) está com peso adequado.


De acordo com o preparador físico Marcio Atalla, o dado está alinhado com as recomendações das principais organizações de saúde.

“Manter hábitos saudáveis significa ter uma alimentação adequada e fazer exercícios regularmente. Precisamos de todos os nutrientes para o bom funcionamento do organismo e o açúcar faz parte deste contexto. No caso dos esportistas, por exemplo, o ingrediente é essencial como fonte de energia”, explica.

Segundo o Dr. Daniel Magnoni, o fato de 67% dos praticantes de atividade física ingerirem açúcar e 73% desse total apresentarem peso adequado sugere que o ingrediente não é a principal causa da obesidade ou do sobrepeso, e sim um coadjuvante.

“Quando a pessoa se alimenta bem, faz exercícios e segue um estilo de vida equilibrado, o açúcar pode e deve fazer parte da rotina. Não vai causar problema. Vale lembrar que nenhum alimento isoladamente é o responsável por problemas de saúde”, ressalta Magnoni. 

Para o cardiologista, o ingrediente só é prejudicial quando ingerido em grande quantidade e somado à uma vida de excessos, estresses e sedentarismo. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), até 10% das calorias totais diárias podem ser obtidas via açúcar.

Marcio Atalla explica que existe uma recomendação da OMS para uma pessoa ser ativa. “Para adultos entre 18 e 64 anos é preciso pelo menos 150 minutos de atividade por semana, o que é aproximadamente 30 minutos por dia. Vale lembrar que o movimento está relacionado à medicina preventiva”, finaliza.

Mais informações sobre a pesquisa “Consumo equilibrado: uma nova percepção sobre o açúcar”:


• 71% dos entrevistados consomem açúcar habitualmente;
• 85% têm preferência pelo tipo branco;
• 88% afirmam adicionar açúcar ao café e ao chá;
• 26% ingerem alimentos açucarados todos os dias;
• Menos da metade dos diabéticos entrevistados consome açúcar;
• 67% dos que praticam atividade física consomem açúcar. Destes, 73% têm o peso normal.

Sobre a pesquisa: “Consumo equilibrado: uma nova percepção sobre o açúcar”

A pesquisa realizada pelo Instituto Dante Pazzanese para a Campanha Doce Equilíbrio tem o objetivo de compreender os hábitos e comportamentos de quem consome açúcar. Foram realizadas 1.199 entrevistas com homens e mulheres de 18 a 85 anos – pacientes do ambulatório do hospital e pertencentes às classes A, B e C – durante os meses de setembro e dezembro de 2015.

Sobre a Campanha Doce Equilíbrio:

É uma iniciativa da União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA) para promover a informação sobre o equilíbrio na alimentação e estilo de vida. Equalizando o debate sobre o açúcar como componente que pode e deve fazer parte de uma vida saudável, a Campanha visa o bem-estar da sociedade.

Nas plataformas de blog (http://www.campanhadoceequilibrio.com.br/), Facebook (www.facebook.com/campanhadoceequilibrio) e Instagram (http://instagram.com/campanhadoceequilibrio), o público pode acompanhar e participar interativamente dos conteúdos relacionados ao universo do açúcar. O projeto conta ainda com o apoio da Associação das Indústrias Sucroenergéticas de Minas Gerais (SIAMIG), do Sindicato da Indústria de Fabricação de Etanol do Estado de Goiás (SIFAEG) e do Sindicato da Indústria de Fabricação do Álcool do Estado da Paraíba (SINDALCOOL).

Fontes: Dr. Daniel Magnoni, cardiologista e chefe de nutrição do Instituto Dante Pazzanese de Cardiologia  |   União da Indústria de Cana-de-Açúcar (UNICA)

Complemente sua leitura com o artigo: "Dicas de como ganhar mais massa muscular".
Leia Mais ►

24.12.15

Fit Anywhere app, o personal trainer digital virtual

Academia do ABC paulista será a primeira a contar com o Fit Anywhere, o personal trainer digital virtual.

A academia Petropolys, da cidade de São Bernardo do Campo, no ABC paulista, será a primeira academia a receber o totem da Fit Anywhere, app que utiliza a tecnologia em prol da saúde e da atividade física. Criado por Pedro Kauffman, um jovem administrador de empresas de São Paulo, o aplicativo Fit Anywhere serve como um personal trainer digital.


Fit Anywhere app personal trainer digital
Fit Anywhere app, o personal trainer digital / foto: Reprodução


O software monta uma rotina de treinos feitos sob medida, baseados em um questionário respondido pelo usuário e de acordo com equipamentos disponíveis na sala de musculação. O app personal trainer digital estará à disposição dos alunos a partir do dia 20 de janeiro (vamos segurar a ansiedade).

Sobre o aplicativo Fit Anywhere


Além de indicar e gravar o histórico de treinos, o software ensina, por vídeo, fotos e descritivos, a execução do movimento de cada exercício e complementa os cuidados na atividade física com dicas de saúde e de bem-estar. Hoje o aplicativo tem 150 dicas de saúde, 300 vídeos e 1500 variações de exercícios, o que gera 6 milhões de combinações diferentes de treinos.

Por ele também é possível saber se o equipamento de cardio, como esteiras e bicicletas (geralmente os mais disputados nas academias), está livre antes mesmo de o usuário chegar à academia, já que o sistema aponta quantas pessoas estão no espaço no momento e quais máquinas estão sendo usadas.




“Um dos grandes diferenciais desse aplicativo é que seus treinos não são formados por algoritmos. Os vídeos dos exercícios foram desenvolvidos com a consultoria de um personal trainer de uma renomada academia em São Paulo. Dessa forma, as informações da academia conectada ao sistema, quando cruzadas com o questionário do usuário, geram a ele um treino feito sob medida, de acordo com seus interesses e necessidades”;

Explica Kauffman. Mais informações sobre a ferramenta estão no site www.fitanyw.com.br.

► Leia também: Veja vários aplicativos de saúde.

Foto: Fit Anywhere
Divulgação\FACES 
Leia Mais ►

20.11.15

Exercícios físicos no calor intenso - Dicas!

A prática de exercícios físicos no calor intenso exige atenção especial, mesmo para aqueles que mantêm hábitos saudáveis durante o ano todo. Seja ao ar livre ou nas academias é necessário redobrar os cuidados com as roupas, hidratação e alimentação, pois as temperaturas elevadas exigem maior esforço do coração e do pulmão.

O professor da Fit Premium explica como o organismo funciona nesse período e dá dicas para quem deseja manter a forma:

Exercícios físicos no calor intenso Dicas

De acordo com o professor Marcelo Zappala, com o calor excessivo, o corpo elimina grande quantidade de água e sais minerais por meio do suor, o que torna a hidratação indispensável. “Tomar 200 ml a cada 15 minutos ajuda a manter o bom funcionamento do nosso organismo durante a atividade física, sem causar mal estar”, explica Zappala. Em relação à alimentação, o profissional incentiva o consumo de alimentos ‘leves’, como frutas, saladas, verduras e sucos.

Outra questão fundamental são os melhores horários para a prática de atividades, que devem ser realizadas até às 10h e depois das 16h. Os exercícios em horários inadequados podem resultar em tontura, cãibras e possíveis desmaios. A respiração também pode ser alterada nessa fase, e o sinal de alerta mais comum é a sensação de falta de ar durante o exercício. Nesse caso, o praticante deve tentar respirar normalmente pelo nariz, expirando pela boca. Caso isso não seja possível, o ideal é que a intensidade seja reduzida.




Para o vestuário, Zappala indica roupas leves, claras e confortáveis, além de tênis próprios para a atividade realizada. “O ideal é que a maior parte do corpo esteja exposta, para que o suor seja evaporado”, explica o professor da Fit Premium. Mas ele alerta para os cuidados com o filtro solar, que deve ser aplicado com 20 minutos de antecedência, para maior fixação, e reforçado sempre que necessário.

Praticar exercícios físicos melhora o condicionamento, o humor e a disposição do indivíduo, mas o profissional alerta: “Não é aconselhável correr atrás de resultados em um mês e os limites do corpo devem ser respeitados”, afirma. Segundo ele, a regularidade da prática deve ser mantida durante todo o ano, sendo que a frequência recomendada é de, pelo menos, três vezes por semana durante 30 minutos.

+ sobre exercícios físicos:

benefícios do pilates
suplementos de soja para atletas.

Leia Mais ►

17.11.15

Suplementos de soja para atletas é boa fonte de proteína

Que a soja é um grão rico em nutrientes e poderoso na manutenção da saúde do corpo, todos sabem. Porém, profissionais de saúde e cientistas passaram a indicar o produto também como suplementos de soja para atletas, amadores ou profissionais, que buscam potencializar seus resultados em diferentes modalidades esportivas.

Com o consumo da soja em alta, ficou mais fácil ingerir sua proteína, já que hoje existem opções variadas no mercado.

"Com o passar do tempo os alimentos à base de soja ficaram melhores, inclusive no sabor, o que contribui para seu crescimento"; 

Explica a nutricionista Julianne Sampaio, especialista no assunto.

► Leia também: Benefícios da soja

suplementos de soja para atletas


Num passado próximo, a soja era usada apenas por atletas de força, como levantadores de peso. Hoje, porém, esportistas de diversas modalidades descobriram sua importância, já que o corpo humano necessita de aproximadamente 0,8g a 1,5g de proteína por quilo corpóreo.




"Em média, 61% dos consumidores brasileiros confirmam que utilizam o grão como fonte de proteína vegetal", afirma Julianne.

A proteína de soja é completa, pois possui a mesma qualidade nutricional que as proteínas de carne, leite e ovos, tão indicadas para os atletas.

fonte: SupraSoy, que produz as versões Integral e Integral light
Leia Mais ►

19.8.15

Benefícios do Pilates


O Pilates é uma da melhores maneiras de condicionamento corporal desenvolvendo um corpo inteligente e padrões de movimentos eficientes, sobretudo o Pilates Studio.

Benefícios do Pilates


Benefícios do Pilates
Benefícios do Pilates/foto

+ Post arquivado na categoria Atividades Físicas

1. O Pilates alivia dores nas costas. Aliado dos Fisioterapeutas (Pilates Stúdio) para tratar de lesões nas costas, hérnia de disco ou desvios posturais;

2. O Pilates ajuda a emagrecer. É isso mesmo, mas é claro que o Pilates não faz perder peso sozinho nem em um período de tempo muito curto, mas sua prática aliada a uma alimentação balanceada e de baixas calorias, pode fazer emagrecer em médio prazo;

3. Define o corpo: esculpir o corpo é mais um dos vários benefícios do Pilates;

4. Flexibilidade: Vários exercícios de Pilates aumentam a flexibilidade da parte posterior do seu corpo bem como a flexibilidade em geral. Sendo mais flexíveis teremos menos lesões, menos dores relacionadas com os músculos tensos e um melhor desempenho em qualquer tipo de atividade física;

5. Mais Energia: Após um dia muito cansativo de trabalho ou estudo, você ainda sentirá energia, devido a prática do Pilates;

6. Benefícios para a Mente: O Pilates purifica a sua mente enquanto exercita o corpo, já que é uma técnica de interação mente e corpo promovendo equilíbrio interior;

7. Ajuda a prevenir lesões nas articulações;

8. Ansiedade: Um estudo da Universidade de Tel Aviv descobriu que a simples prática de exercícios para o equilíbrio (como Pilates) pode ajudar no tratamento da ansiedade;

9. Memória: Movimentos como os exercícios de coordenação, assim como sequências de alguns exercícios ajudam a melhorar a memória;

10. Idosos: O Pilates melhora a estabilidade e equilíbrio em idosos.

+ Post arquivado na categoria Atividades Físicas

Outros benefícios do Pilates


  • Fibromialgia
  • Circulação sanguínea
  • Artrite e Artrose
  • Recuperação de cirurgias do joelho, pé e quadril
  • Sono e humor
  • Tônico revigorante.

Importante! Se você buscar o Pilates para algum problema de saúde, busque o Pilates Studio, que é comandado por fisioterapeutas.
Leia Mais ►

21.11.14

Esporte na Praia: 5 esportes incríveis para o verão!

O verão está batendo à porta, e essa é a estação perfeita para a prática de esportes ao ar livre, como o esporte na praia ou no campo. É hora de sair do sedentarismo e da rotina, aproveitando a temperatura quente e a energia do Sol. Nada melhor para isso do que praticar esportes que, além de ajudar a garantir um corpo mais bonito, proporcionam benefícios à saúde física e mental.

Enquanto a temperatura vai subindo, aproveite para conhecer e escolher uma nova modalidade. Confira cinco dicas que o Comércio do Jahu selecionou para você e prepare-se para se divertir com atividades ideais para o verão ao mesmo tempo em que faz exercício!

Esporte na Praia: 5 esportes incríveis para o verão!
Esporte na Praia: 5 esportes incríveis para o verão!

5 esportes incríveis para o verão! Na praia, piscina ou campo!


Bets (ou Taco)

Popularmente conhecido como “taco”, o bets é um esporte que pode parecer complexo, mas na verdade rapidamente se pega o jeito. A prática é realizada principalmente com duas duplas, onde uma arremessa a bola e a outra rebate, ao mesmo tempo em que defende os alvos. Os alvos, separados por cerca de 10 metros, podem ser uma lata, garrafa ou o objeto de preferência.

O objetivo da dupla que arremessa a bolinha é derrubar o alvo e evitar a rebatida do adversário. As rebatidas que possibilitam os pontos, obtidos cada vez que os integrantes da dupla que a rebateu se cruzam e trocam de base, batendo os tacos quando se encontram.

Nesse momento, o arremessador tenta alcançar a bola e pode derrubar o alvo, o que só pode ser feito enquanto a base está desprotegida (enquanto os rebatedores correm para cruzar o taco e trocar de posição). É um esporte muito dinâmico, que vai fazer suar a camisa e exercitar muito todo o corpo.

Slackline

Nova sensação que tem invadido praças, parques e como esporte na praia, a prática do Slackline consiste em se equilibrar sobre uma fita, normalmente amarrada entre duas árvores. Os praticantes caminham, saltam e fazem todo tipo de manobras que vão aumentando o nível de dificuldade com a prática. O Slackline movimenta quase todos os músculos do corpo, além de exigir concentração, força física e equilíbrio. No começo pode parecer bem difícil, mas com o treino logo se está andando com destreza pela fita.

Standup Paddle

O esporte é uma mistura entre o surfe e o remo. Em vez de deitar na prancha ou sentar em um caiaque, o atleta fica o tempo todo em pé e se movimenta sobre águas calmas e até ondas com a ajuda dos remos. É um esporte com muita contemplação da natureza, ao mesmo tempo em que exige uma atividade aeróbica completa. É preciso muito equilíbrio e várias partes do corpo são trabalhadas para isso: abdômen, costas, braços, pernas e pés. O grau de dificuldade no início é bem baixo, especialmente em águas calmas. Mas a atividade em si é bastante desafiadora, sendo uma opção bem inusitada para o seu verão. Depois de adquirir habilidade é possível se arriscar em onda e aí a brincadeira fica ainda mais divertida.

Frisbee

Um esporte bem conhecido e tradicional do verão, com muitos adeptos pela simplicidade de praticá-lo, e, claro, por ser muito divertido. É necessário apenas um disco achatado que tenha uma boa aerodinâmica para você jogar pelos ares de um lado para o outro. Tanto pode ser jogado com um ou mais parceiros e até mesmo com o seu cão de estimação. O objetivo é atirar o frisbee de modo que o receptor consiga pegá-lo ainda no ar. Prefira frisbees leves, para evitar a possibilidade de se machucar. É um jogo dinâmico, fácil, e oferece diversão garantida tanto na cidade quanto na areia da praia.


Biribol

Esporte aquático para ser praticado dentro da piscina, o biribol é uma modalidade muito parecida com o vôlei, inclusive em suas regras. É uma prática ao mesmo tempo recreativa e educativa, que pode ser aproveitada por pessoas de qualquer idade. Por ser perfeita para jogar em grupo, ajuda a desenvolver o senso de coletividade e parceria. Põe os músculos para trabalhar sem muito desgaste e quase nenhum impacto, por ser dentro da água. A piscina se torna a quadra, bastando instalar uma rede no meio da piscina e utilizar a mesma bola do vôlei ou uma que seja mais leve. Diversão garantida de forma muito refrescante!

Leia mais na categoria: Atividades Físicas.
Leia Mais ►

14.11.14

Google Fit: apps de saúde e condicionamento físico do Google




O Google acaba de divulgar em sua rede social Google Plus (Google +) o lançamento de seu aplicativo de saúde e condicionamento físico, o Google Fit.

Google Fit: apps de saúde e condicionamento físico do Google
Google Fit app de saúde e condicionamento físico do Google / foto: Google Images


Google Fit: apps de saúde e condicionamento físico do Google


Exemplo de página de acompanhamento de um treino pelo Google Fit:


Google Fit: apps de saúde e condicionamento físico do Google
Google Fit: apps de saúde e condicionamento físico do Google / foto: Google +


Google Fit - Descrição


• Basta levar o smartphone junto com você para ter acesso a sua atividade de caminhada, de corrida e de bicicleta.
• Alcance suas metas de condicionamento físico
• Defina metas com base na duração ou no número de passos e veja seu progresso ao longo do dia.

>>Leia também: apps de saúde.

• Receba recomendações com base em desempenho para as metas de atividade.
Uma visualização abrangente de seu condicionamento físico
• Conecte dispositivos e apps de terceiros ao Fit e todos os seus dados de condicionamento físico serão exibidos em um só lugar.
• Disponível em qualquer lugar
• Compatível com todos os dispositivos Android Wear.
• Acesse também o Google Fit na Web pelo site www.google.com/fit e em seu tablet.
Leia Mais ►

4.8.14

Encefalopatia traumática crônica (ETC)


Encefalopatia traumática crônica (ETC), doença neurodegenerativa progressiva causada por repetidos golpes na cabeça. Esta é a doença que levou muitos atletas a se suicidarem. Em comum também havia o fato dos atletas serem de uma modalidade específica:

Todos eram ex-jogadores profissionais de futebol americano, veteranos de um dos 32 times da National Football League (NFL), a poderosa e bilionária entidade que rege o esporte mais popular nos Estados Unidos.

As consequências dos impactos inerentes ao tipo de esporte de contato que é o futebol americano vêm sendo estudadas, apontadas e denunciadas há mais de uma década. E por mais de uma década a NFL tem conseguido protelar o pleno reconhecimento de que há uma relação de causa e efeito.

Encefalopatia traumática crônica ETC sintomas
Jogo de futebol americano/foto

Encefalopatia traumática crônica (ETC) - sintomas

  • Mudança de personalidade, 
  • Perda de memória, 
  • Depressão, 
  • Demência, 
  • Comportamento errático.


O documentário “League of Denial”, exibido esta semana pela rede pública PBS, retomou o tema demonstrando a força do jornalismo investigativo à moda antiga.

No documentário,  Mike Webster, veterano do Pittsburgh Steelers, estava tão devastado pela demência no final da vida que tinha de ser imobilizado pela família com raios de pistola Taser para conseguir adormecer. Webster morreu em 2002, aos 50 anos, sendo o primeiro ex-atleta a ter o cérebro analisado após ser diagnosticado postumamente com ETC.

Em janeiro deste ano, pesquisadores da Universidade da Califórnia conseguiram, pela primeira vez, diagnosticar a ETC em pacientes vivos — cinco ex-jogadores da Liga, de idades entre 45 e 73 anos. Embora ainda em fase preliminar, o estudo piloto já é apontado como uma grande esperança para o futuro combate à doença.

Um diagnóstico em tempo real capaz de apontar a presença da proteína corrosiva causadora da ETC poderá ajudar atletas em atividade a decidir se querem parar para prevenir mais danos.

Os jogadores de futebol americano que não conseguiram vencer a doença e se suicidaram foram:

Paul Oliver - 29 anos
Ray Easterling - 62 anos
Junior Seau - 43 anos
André Waters - 44 anos
Terry Long - 45
Dave Duerson - 50 anos.

Aparentemente e infelizmente, segundo o documentário, a Liga NFL parece não se dispor a financiar este teste para todos os jogadores da Liga. Em valores de hoje, o custo global estimado de US$ 9,9 milhões seria equivalente a 0,1% de sua renda anual. Cada anúncio de 30 segundos no intervalo do Super Bowl - o jogo de final da temporada do ano - custa US$ 3,5 milhões, sendo a mais cobiçada vitrine publicitária do mundo.

"Ainda assim, para eles, será uma decisão a posteriori. É a garotada que inveja a saúde, a fama e a fortuna dos heróis da NFL que deveria assistir à “League of Denial”. E seus pais também".

Com o perfeito parágrafo acima, o jornalista Dorrit Harazim encerrou a matéria do O Globo - Ciência, a qual usei como fonte deste post.

Artigos relacionados:

Abaixo o vídeo do documentário "League of Denial":


[Fonte]
Leia Mais ►

29.8.13

Hábitos saudáveis são mais vistos na população de maior escolaridade

Os hábitos alimentares saudáveis e a prática de exercícios físicos regulares são comportamentos que se relacionam ao grau de escolaridade. A constatação está na pesquisa Vigitel 2012, divulgada hoje (27) pelo Ministério da Saúde. A pesquisa ouviu 45 mil pessoas acima de 18 anos.

O consumo regular de frutas e hortaliças é menor entre as pessoas que têm menos escolaridade. Entre os que estudaram até oito anos, 34% consomem regularmente esses alimentos. Na faixa dos que têm entre nove e 11 anos de estudo, o percentual é 31%. Entre os que estudaram 12 anos ou mais, 45% consomem frutas e hortaliças regularmente.

Entre os avanços apontados pela pesquisa Vigitel 2012 está o aumento no consumo recomendado de frutas e hortaliças pela população e da prática de atividade física no tempo de lazer entre os homens. Um desafio apontado é a alta frequência de consumo abusivo de bebidas alcoólicas, especialmente entre homens e jovens.

Hábitos saudáveis são mais vistos na população de maior escolaridade

Na área da atividade física, os homens são mais ativos no tempo livre (41,5%) que as mulheres (26,5%). Nesse grupo, os mais jovens se exercitam mais e o percentual de prática de atividade física reduz à medida que aumenta a idade.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, ressaltou que é importante começar a melhorar os hábitos alimentares e incentivar os exercícios físicos ainda na infância. “Os pais precisam ajudar na alimentação das crianças e no estímulo à atividade física. É preciso orientar dentro da escola a ter uma merenda escolar adequada”, disse. Ele acrescentou que também é necessário que, nas empresas, haja estímulo à atividade física para os adultos e, por parte do poder público, ampliação de ações como as academias de saúde ao ar livre.

Já em relação às bebidas alcoólicas, a pesquisa mostra que o consumo abusivo é maior entre quem tem mais escolaridade. É considerado consumo abusivo a ingestão de cinco doses ou mais entre homens e quatro doses ou mais entre mulheres nos últimos 30 dias. De acordo com a pesquisa, 22% da população com 12 anos ou mais de estudo e 15% dos que têm até oito anos de estudo tiveram consumo excessivo.

Entre os homens com 12 anos ou mais de estudo está o maior percentual dos que dirigem após o consumo de qualquer quantidade de bebida alcoólica. O consumo abusivo de bebida ocorre principalmente na faixa etária de 25 a 34 anos, com 24,7%. Em seguida está a população entre 18 e 24 anos (21,8%).

A Vigilância de Fatores de Risco e Proteção para Doenças Crônicas por Inquérito Telefônico - Vigitel 2012 - entrevistou 45 mil pessoas acima de 18 anos das 26 capitais e do Distrito Federal.

Fonte: Agência Saúde.

Leia Mais ►

13.8.13

Médico flagrado na academia com roupa de cirurgia

Um médico foi flagrado em uma academia de com roupa de cirurgia (aquelas roupas na cor verde claro que consistem em calça e camisa largas e extremamente confortáveis). O médico é residente no hospital Dr. Mário Gatti, em Campinas (SP).

O empresário de moda Luddy Ferreira, que flagrou e registrou o médico se exercitando, o aluno de medicina disse que não houve tempo para trocar a roupa e que (pasmem!) ainda realizaria uma cirurgia.
Médico com roupa cirúrgica flagrado na academia

O médico infectologista Francisco Hideo Aoki ponderou que o uso da roupa deve ser feito com cautela, já que a mudança direta do ambiente hospitalar para a academia poderia oferecer risco de contaminação.

"Ele poderia carregar vários tipos de germes que circulam no hospital e, potencialmente, ter algum grau em caso de contato direto com as outras pessoas", explicou o especialista.

Comentário Saúde com Ciência
... Sem comentários! Por razões óbvias :-/

Artigos relacionados...

Leia Mais ►

5.3.13

Alimentos para esportistas, que ajudam no pré e pós-treino

Confira sugestões de alimentos para esportistas que ajudam no pré e pós-treino para os iniciantes e veteranos na prática de esportes e malhação

Manter o corpo saudável é o objetivo da maior parte da população. Quem é adepto a prática de exercícios físicos e esportes deve manter uma alimentação adequada para fortalecer os músculos e repor as energias.



O pré e pós-treino são os momentos mais importantes para se alimentar adequadamente e completar o máximo de ganhos. Por isso, as proteínas e carboidratos possuem papel muito importante.

Confira abaixo dicas de produtos que garantem melhor desempenho na hora de malhar:

A empresa americana MonaVie, que trabalha por meio do sistema de venda direta e está no mercado brasileiro desde 2008 apresenta o MonaVie RVL Shake Mix, um delicioso shake no sabor chocolate que contém quatro fontes de proteínas (concentrado protéico de soro de leite, proteína isolada de soja, albumina e colágeno hidrolisado), além de fibras vitaminas, minerais e mais de 10 frutas como cacau, maçã, mamão, pêra, abacaxi, kiwi, pêssego, morango, acelora e açaí.

O shake é indicado tanto para complementar a alimentação de quem está em busca de uma alternativa saudável rica em proteína, como também é um substituto de refeição para quem busca perda de peso, já que possui os nutrientes necessários de uma refeição completa.

Outra opção é a barra de proteína. Ideal para aumentar a massa muscular de quem pratica atividades físicas, a barrinha é uma importante aliada para àqueles que precisam aumentar o aporte protéico diário. Além disso, elas ajudam a inibir a vontade de consumir doces e chocolates. Veja abaixo algumas opções disponíveis no mercado:

MONAVIE RVL SNACK BAR: uma barra de proteínas e cereais com frutas vermelhas, açaí, colágeno hidrolisado e uma deliciosa cobertura sabor iogurte. Rica em fibras, proteínas e fonte de vitamina C e E, é perfeita para ser consumida entre as refeições. Apenas 101 calorias. R$3,85

TRIO PRO 30 VIT CHOCOLATE: o chocolate é um alimento extremamente energético e, se consumido da forma correta, um importante aliado na hora de cuidar da saúde e do corpo. A barra possui 30 tipos de vitaminas e minerais, além da carga extra de proteínas que ajudam principalmente no desenvolvimento da massa muscular. 134 calorias. R$3,00.

TRIO PRO 30 VIT BANANA: perfeita para comer antes ou depois da prática do esporte favorito, essa barrinha rica em vitaminas e minerais contém Whey Protein e proteína de soja. É um auxilio a mais no desenvolvimento de massa muscular e na reposição dos principais nutrientes que são perdidos em atividades físicas. 135 calorias. R$3,00.

TRIO PRO 30 VIT VANILLA E COOKIES: Para os amantes de sobremesas está é uma alternativa que além de saborosa complementa a alimentação. Rica em proteínas e preparada para repor os principais nutrientes que são perdidos na atividade física, essa barrinha alia o sabor delicioso da baunilha com o inconfundível sabor dos biscoitos de chocolate. 130 calorias. R$3,00.

TRIO PRO 30 VIT AMENDOIM: a energia proporcionada pelo amendoim e as proteínas e vitaminas essenciais ao esporte em um só alimento. 129 calorias. R$3,00.

Leia Mais ►

Assine nossa newsletter

Enter your email address:

Delivered by FeedBurner