Bolsa-Família não vence extrema pobreza

Bolsa-Família não vence extrema pobreza

Estudo encomendado pelo governo aponta que o programa Bolsa-Família não garante que famílias das regiões Norte e Nordeste superem a condição de pobreza extrema, na qual os membros da família recebem pelo menos R$ 70 por mês cada um. Segundo reportagem do Estadão, cerca de 7,5 milhões de famílias beneficiárias do Nordeste e do Norte têm renda média de R$ 65,29 e R$ 66,21.

De acordo com o ministério do Desenvolvimento Social, mais de 2 milhões das 12,4 milhões de famílias que recebem o bolsa-família ainda são consideradas extremamente pobres.

O conteúdo do http://www.saudecomciencia.com/ é informativo e educativo. Não exclui consulta com profissional habilitado.

Comentários

Leia também!

Soro caseiro: receita copo 200ml (e para 1 litro)

Use vinagre para piolhos e lêndeas

Antibiograma o que é e para que serve esse exame

Receita de anti-mofo caseiro para guarda-roupa e paredes

Açúcar Demerara - Benefícios

Vinagre ou água sanitária (hipoclorito de sódio) para higienizar verduras?

Piolho chato, o piolho pubiano: sintomas e tratamentos

Como acabar com piolho de cobra

Enzimas COX-1 e COX-2 (ciclooxigenase)

Benefícios do Amendoim torrado para a saúde