Como fica a venda de sibutramina

Após a retirada do mercado dos inibidores de apetite tipo anfetamínicos (anfepramona, femproporex e mazindol) a substância sibutramina se torna, junto com o orlistat (Xenical) uma das poucas opções de medicamentos para emagrecer. E sua venda fica restrita, por pelo menos mais um ano, com algumas condições.

Para usar o anorexígeno sibutramina, médico e paciente terão de assinar um termo de consentimento, de responsabilidade, sobre o uso e os riscos de usar o medicamento.



A receita deve vir acompanhada de notificação B (aquele formulário pequeno de cor azul, que alguns leigos chamam de "receita azul").

Em 60 dias os fabricantes de sibutramina terão que apresentar um plano de minização de riscos. A sibutramina fica em monitoramento do perfil de segurança por 12 meses, quando será feita uma nova avaliação da Anvisa que decidirá se manterá, ou não, o medicamento liberado.

Comentários

Leia também!

Soro caseiro: receita copo 200ml (e para 1 litro)

Antibiograma o que é e para que serve esse exame

Use vinagre para piolhos e lêndeas

Receita de anti-mofo caseiro para guarda-roupa e paredes

Açúcar Demerara - Benefícios

Vinagre ou água sanitária (hipoclorito de sódio) para higienizar verduras?

Piolho chato, o piolho pubiano: sintomas e tratamentos

Como acabar com piolho de cobra

Enzimas COX-1 e COX-2 (ciclooxigenase)

Benefícios do Amendoim torrado para a saúde