Tomate, Maçã e Banana reparam danos pulmonares de ex-fumantes

Dieta rica em maçã e tomate pode ajudar a recuperar pulmão de ex-fumantes. Entenda como foi o estudo, quanto de tomate ou maçã é preciso consumir e como esses vegetais agem.

É de conhecimento popular que o tomate é benéfico para a saúde da próstata, por prevenir o câncer que acomete tal região. Já a maçã é tão benéfica que há um ditado que diz: "uma maçã por dia afasta o doutor", pois se você comer uma maçã por dia não precisará ir ao médico [porque não adoecerá]. Mas agora, uma pesquisa está demonstrando um feito incrível relacionado com esses dois vegetais, sobretudo com o tomate. Confira!

Tomate recupera pulmão de ex-fumantes

Uma pesquisa feita pela Johns Hopkins Bloomberg School of Public Health, em Baltimore, nos Estados Unidos, revelou que, em um período de dez anos, o declínio nas funções do pulmão foi menor entre ex-fumantes que seguiram uma dieta rica em tomates e frutas, especialmente, a maçã.

O estudo sugere que certos componentes presentes nesses alimentos podem ajudar a restaurar os estragos causados pelo cigarro no pulmão.



Como foram os resultados com o tomate x pulmão de ex-fumante


Os cientistas descobriram que adultos que comiam, em média, mais de dois tomates e mais de três porções de frutas por dia tiveram menor declínio nas funções do órgão respiratório, comparados com pessoas que comeram, diariamente, menos de dois tomates e menos de uma porção de fruta.

Segundo a publicação original [em inglês] os decréscimos nas funções ventilatórias em adultos (FEV1 e FVC) do órgão foram:

  • maçã: 3,59 mL / ano-1 (IC 95% 0,40, 7,68),
  • banana: 3,69 mL / ano-1 (IC 95% 0,25, 7,14), 
  • tomate - declínio na FVC de 4,5 mL / ano-1, (IC 95%: 1,28, 8,02). 

As análises de subgrupos mostraram que a ingestão de maçã, banana e, principalmente, tomate foi associada a um menor declínio na FVC em ex-fumantes. Contudo, apenas a associação com a ingestão de tomate permaneceu estatisticamente significativa após 10 anos. A ingestão de frutas e tomates pode atrasar o declínio da função pulmonar em adultos, particularmente em ex-fumantes - mas todos podem se beneficiar.

Mas atenção! O efeito foi observado apenas naqueles que consumiram as frutas in natura - estado natural do alimento e não em alimentos industrializados que contêm tomate e maçã na composição.

Efeitos do tomate em não fumantes


O estudo, feito em conjunto com o setor especializado em envelhecimento do pulmão do Imperial College in London, também mostrou que o maior consumo de tomate apresentou uma melhor no órgão de todos os adultos analisados, inclusive nos que nunca fumaram. As descobertas foram publicadas na edição de dezembro do European Respiratory Journal.

“O estudo mostra que a dieta pode ajudar a reparar os danos nos pulmões de pessoas que abandonaram o cigarro. A análise ainda sugere que uma alimentação rica em frutas pode diminuir o processo de envelhecimento do pulmão, até mesmo de pessoas que nunca tiveram o hábito de fumar”, explica Vanessa Garcia-Larsen, professora-assistente da Johns Hopkins e principal autora do estudo.



Como foi o estudo sobre a ação do tomate (e da maçã) nos pulmões


Para chegar a essa conclusão, o time de pesquisadores avaliou a dieta de 680** adultos em 2002. Após isso, eles repetiram, anualmente e por um período de dez anos, testes sobre a função dos pulmões no mesmo grupo -- realizando um teste que mede a capacidade de absorver oxigênio e expulsá-lo.

Os ex-fumantes que se alimentavam com base em uma dieta rica em tomates e outras frutas tinham cerca de 80 ml de declínio lento do órgão ao longo do período de dez anos. Isso sugere que os nutrientes em suas dietas ajudam a reparar os danos causados ​​pelo tabagismo, segundo a Dra. Vanessa.

“As funções do órgão começam a declinar em torno dos 30 anos, variando de acordo com a saúde da pessoa”, diz Vanessa. Ela finaliza: “Nosso estudo sugere que comer tomate e mais frutas com regularidade atenua esse envelhecimento e pode até reparar os estragos feitos pelo cigarro. Essa dieta ainda pode ajudar a combater o diagnóstico de DPOC [Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica*] no mundo todo.”
*1,2 milhão de britânicos e mais de 11 milhões de americanos vivem com DPOC – conjunto de condições que provocam a disfunção pulmonar caracterizada pela dificuldade de respirar.

Quais substâncias presentes no tomate e nas demais frutas promovem o efeito?


Os antioxidantes (elementos que combatem os radicais livres - responsáveis por várias doenças e envelhecimento) foram os responsáveis por tal ação. A publicação não citou os antioxidantes que agiram especificamente para os resultados, mas apontou que acredita que o alto teor de β-caroteno e vitamina C, e agindo em conjunto, pode ter atuado nos benefícios pulmonares. E que o efeito do tomate é maior devido à sua quantidade expressiva do antioxidante licopeno. Também se verificou que sua associação com a vitamina C, também muito presente nos tomates, (portanto, licopeno + vitamina C) mostraram os melhores efeitos para o resultado final. ➤ LEIA: Licopeno: quantidades em cada tipo de tomate

Comentários Saúde com Ciência (Renata Fraia)


Mas se você me perguntar: sou fumante e não ex, não obterei benefícios? Responderei: todas as pessoas que consomem tais alimentos se beneficiam, mas o estudo se concentrou em quem já fumou e abandonou o mau-hábito.



VITAMINA C

A vitamina C é facilmente perdida pela evaporação. Por isso, se você consumir um tomate que está fatiado e exposto no bufê por muito tempo, essa vitamina será perdida.

LICOPENO

Outros alimentos que contêm licopeno são a goiaba vermelha, melancia, pitanga e mamão, porém em quantidades muito menores do que as do tomate.

AGROTÓXICOS

É sempre bom lembrar que o tomate pode conter uma quantidade muito alta de agrotóxico, portanto, nunca se esqueça de lavá-lo muito bem antes de consumir — embora essa ação não elimine o veneno completamente, pois parte dele é absorvido pelo vegetal. Uma dica é retirar a casca dos tomates de origem duvidosa.

Fontes/bibliografia:

**http://erj.ersjournals.com/content/50/6/1602286 [que publicou a matéria original]
Garcia-Larsen V, Amigo H, Bustos P, et al. Ventilatory function in young adults and dietary antioxidant intake. Nutrients 2015; 7: 2879–2896
Rautalahti M, Virtamo J, Haukka J, et al. The effect of alpha-tocopherol and beta-carotene supplementation on COPD symptoms
http://medimagem.com.br/noticias/dieta-rica-em-maca-e-tomate-pode-ajudar-a-recuperar-pulmao-de-ex-fumantes,45168
https://veja.abril.com.br/saude/dieta-com-tomate-pode-restaurar-pulmao-de-ex-fumantes-diz-estudo/
Saúde - iG @ http://saude.ig.com.br/2017-12-21/pulmoes-maca-e-tomate.html

Imprimir esta receita ;-)

Comentários

Leia também!

Soro caseiro: receita copo 200ml (e para 1 litro)

Use vinagre para piolhos e lêndeas

Antibiograma o que é e para que serve esse exame

Açúcar Demerara - Benefícios

Receita de anti-mofo caseiro para guarda-roupa e paredes

Piolho chato, o piolho pubiano: sintomas e tratamentos

Vinagre ou água sanitária (hipoclorito de sódio) para higienizar verduras?

Como acabar com piolho de cobra

Casca de Jabuticaba para que serve?

Sal refinado, Sal marinho e mineral, comparação