Postagens

Mostrando postagens com o rótulo consumo de sal

Sal em excesso de sal prejudica a flora intestinal, diz estudo

Imagem
Pesquisa alemã revela que sal em excesso diminui diversidade de bactérias da flora intestinal, e os micro-organismos ligados ao sistema imunológico são os mais afetados

O consumo de sal em excesso é relacionado à hipertensão - levando às doenças cardíacas - e ao acúmulo de líquidos no organismo. Mas agora um estudo revela mais um malefício relacionado ao sal usado excessivamente, a destruição de parte da flora intestinal relacionada ao sistema de defesa do nosso corpo, o sistema imunológico.


Em experimentos com ratos, uma equipe de cientistas do Centro Max-Delbrück de Medicina Molecular, liderados por  identificaram que uma dieta rica em sódio não só reduz a quantidade de bactérias na microbiota, como propicia o surgimento de doença inflamatória e cardiovascular. Os achados foram publicados na última edição da revista britânica Nature.

Como foi o estudo sobre como o excesso de sal afeta a flora intestinal?
Primeira etapa
Os investigadores colheram e analisaram as amostras de fezes das c…

Sal e Diabetes: Sal em excesso pode causar diabetes, diz estudo

Imagem
Sal em excesso aumenta em até 73% o risco de diabetes
Da Veja

Segundo um novo estudo, cada grama de sódio acima do limite diário está associado a um risco maior de desenvolver diabetes tipo 2 e auto-imune latente.


Uma nova pesquisa apresentada no congresso da Associação Europeia para Estudos do Diabetes, em Portugal, cada grama de sódio (ou cada 2,5 gramas de sal) consumido em excesso pode elevar em até 43% o risco do indivíduo desenvolver diabetes tipo 2 e em 73% o risco de diabetes autoimune latente em adultos (Lada), variação da doença em que anticorpos também afetam a produção de insulina.



Os pesquisadores do Instituto Karolinska, de Estocolmo, Suécia, descobriram que o sódio pode impactar a resistência insulínica.

Estudos anteriores já associavam o consumo excessivo de sal e o diabetes tipo 2, mas nenhum observou como o consumo do sal também poderia afetar a forma autoimune da doença.
Ler matéria completa...

Sódio nos Alimentos: alimentos que contêm sódio em excesso

Imagem
A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda que não sejam consumidos mais do que dois gramas de sódio por dia — o que equivale a cinco gramas de sal por dia (40% do sal é composto por sódio).

Segundo uma nova pesquisa, a média de consumo de sódio entre adultos no mundo em 2010 foi de aproximadamente quatro gramas. As principais fontes de sódio (cloreto de sódio - NaCl) são sal de cozinha, alimentos congelados e molhos ou temperos prontos.

Sódio nos Alimentos: alimentos que contêm sódio em excesso

1- Queijo parmesão
Ralado: 1.981 miligramas de sódio em 100 gramas de alimento.
Em pedaços: média de 1.402 miligramas de sódio em 100 gramas.


2- Macarrão instantâneo 
O popular "miojo" tem, cerca de 1.798 miligramas de sódio a cada 100 gramas de macarrão.

3- Mortadela
A versão normal apresentou uma média de 1.303 miligramas de sódio por 100 gramas de alimento. Já o teor de sódio da mortadela de frango contém 1.232 miligramas.

4- Maionese
A maionese contém aproximadamente 1.096 miligra…

Mais alimentos que terão redução de sódio (sal)

A redução do consumo de sódio no Brasil é uma das estratégias do governo federal para o enfrentamento às doenças crônicas, como hipertensão arterial e doenças cardiovasculares.

O ministro da Saúde, Alexandre Padilha, juntamente com representantes da indústria alimentícia, assinou, nesta terça-feira (13/12), nova fase do acordo que prevê a redução gradual de sódio em 16 categorias de alimentos.

Nesta etapa, serão detalhadas as metas para os alimentos que estão entre os mais consumidos pelo público infanto-juvenil, incluindo sete categorias: batatas fritas e batata palha, pão francês, bolos prontos, misturas para bolos, salgadinhos de milho, maionese e biscoitos (doces ou salgados). O documento define o teor máximo de sódio a cada 100 gramas em alimentos industrializados. As metas (ver no fim do texto) devem ser cumpridas pelo setor produtivo até 2014 e aprofundadas até 2016.

“Esta segunda etapa do acordo reforça o projeto conjunto entre governo e indústrias para respeitar a recomendaç…

Cai consumo de arroz, feijão, frutas e hortaliças e aumenta de sal e açúcar

Imagem
Você ainda come diariamente arroz com feijão, carne e salada? Responda a essa pergunta após ler o texto abaixo que afirma que brasileiros estão abandonando esse hábito e consumindo muito mais sal e açúcar.

O país enfrenta, atualmente, uma espécie de transição nutricional, já que hábitos até então comuns como o consumo de arroz e feijão registraram queda, enquanto carnes gordurosas e alimentos embutidos passaram a ser amplamente consumidos.

Cai consumo de arroz com feijão
A avaliação é da coordenadora de Doenças e Agravos Não Transmissíveis do Ministério da Saúde, Déborah Malta.


Em entrevista à Agência Brasil, ela explicou que o problema de alimentos como salsichas e linguiças é o alto teor de sal, responsável por aumentar o risco de doenças cardiovasculares. A presença de elevados níveis de açúcar na dieta do brasileiro, segundo a coordenadora, também representa uma agravante – sobretudo quando associada a um baixo consumo de frutas e hortaliças.

Os dados fazem parte da pesquisa Vigit…