Postagens

Mostrando postagens com o rótulo diabetes

Adoçantes podem causar diabetes, diz estudo

Imagem
Estudo recente mostra que adoçantes artificiais podem causar intolerância à glicose, o que poderia elevar o risco de diabetes, além de alterar o microbioma*.

O consumo de adoçantes artificiais pode aumentar o risco de desenvolver intolerância à glicose em alguns indivíduos, segundo um estudo divulgado nesta quarta-feira pela revista científica britânica "Nature".

O estudo analisou os adoçantes aspartame, sacarina e sucralose, mas não os outros tipos de adoçantes como ciclamato. VER todos os tipos de adoçantes.


Um grupo de cientistas, liderado pelo israelense Eran Elinav, do Instituto de Ciência Weizmann, de Rehovot (Israel), chegou a esta conclusão após ter realizado um teste com ratos e humanos.

Durante seu estudo, os cientistas observaram que os roedores alimentados a base de dietas com adoçante artificial mostravam um metabolismo energético alterado, segundo explicou em entrevista coletiva telefônica Elinav e seu colega, Eran Segal.

Esse metabolismo parece ser modulado pe…

Amêndoas podem prevenir diabetes e doenças cardíacas

Imagem
As frutas secas são sabidamente saudáveis, todas elas. De vez em quando surgem novos estudos mostrando que um ou outro tipo de castanha tem atuação contra algum tipo específico de doença, sobretudo na prevenção da mesma.

É o caso, por exemplo, da amêndoa, cujo estudo recente aponta a fruta como preventiva de diabetes tipo 2 e doenças cardíacas, além de outros benefícios da amêndoa.

É isso mesmo, amêndoas previnem diabetes tipo 2 e doenças cardíacas. Mas além de prevenir, elas pode tratar de tais doenças.



Segundo o estudo realizado na Universidade de Medicina e Odontologia de Nova Jersey e publicado no Journal of American College of Nutrition, comer amêndoas com frequência pode ajudar a prevenir diabetes e doenças cardíacas.

Os pesquisadores descobriram que a inserção da amêndoa em nossa dieta podem ajudar a tratar a diabetes tipo 2, que responde por 90-95 por cento de todos os casos, além de ser eficaz contra doenças cardíacas.

Como as amêndoas agem na diabetes tipo 2 e nas doenças c…

Campanha Diabetes. Mude seus Valores

Imagem
A Sociedade Brasileira de Diabetes gostaria de lhe convidar para sua coletiva de imprensa sobre a nova campanha de conscientização popular Diabetes. Mude seus Valores. O evento será realizado no dia 22/10, próxima terça-feira, a partir das 10h, no L´Hotel, em São Paulo.

Na oportunidade, serão apresentados os resultados de uma pesquisa inédita de opinião pública sobre o diabetes no País, realizada pelo IBOPE em seis capitais, e que mostra o que os brasileiros sabem sobre fatores de risco e a doença.

Campanha Diabetes. Mude seus Valores
Entre as principais questões em debate sobre o diabetes, teremos:


Qual o real conhecimento dos brasileiros sobre diabetes? Qual o comportamento da população com relação à doença: prevenção e tratamento? Quais os principais receios dos brasileiros com relação ao diabetes? Quais são os hábitos saudáveis da nossa população e como acreditam que previnem a doença?

Essas e outras perguntas sobre o diabetes serão debatidas pelos porta-vozes da Sociedade Brasilei…

Vacina contra diabetes

Imagem
Cientistas da Universidade de Stanford (EUA) acabam de obter resultados positivos na criação de uma vacina contra diabetes, trata-se de um imunizante que se mostrou eficaz para controlar, em humanos, o tipo 1 da doença, que ocorre porque o sistema imunológico do próprio corpo passa a atacar as células beta, situadas no pâncreas, que fabricam a insulina.

Ou seja, a vacina para diabetes será eficaz contra o diabetes tipo I (que aparece na infância ou em jovens), aquele que as pessoas acometidas pela doença precisam usar - obrigatoriamente - insulina diariamente.

A vacina impediu o ataque de um tipo de célula CD8 – integrantes do sistema imunológico – às células beta.

Leia mais sobre diabetes
Leia mais sobre vacinas
“Estamos muito excitados com o resultado. Sugere que o sonho de interromper o ataque do sistema imunológico a células específicas pode ser realizado”, afirmou Lawrence Steinman, um dos líderes da pesquisa realizada com 80 pacientes. 

Os cientistas planejam expandir os experiment…

Aplicativo Bayer HealthCare

Em sintonia com a crescente demanda do público para o uso de aplicativos em celulares e tablets, a Bayer HealthCare têm, a cada ano, procurado oferecer soluções que auxiliem os pacientes a cuidarem da saúde.

Desde 2011, a companhia já lançou sete aplicativos, todos gratuitos e disponíveis na página da companhia (http://www.bayerpharma.com.br).

De acordo com Andrea Forlenza, diretora da Bayer HealthCare, há um potencial incrível para uso de celulares e aplicativos móveis no sentido de envolver as pessoas com as questões de sua saúde e bem-estar de uma nova maneira, para ajudá-los a cuidar melhor de si e, especialmente, para gerenciar as condições crônicas como, por exemplo, o diabetes.

Conheça o portfólio da Bayer em aplicativos para a Saúde:
Diabetes

O aplicativo GlicoCare para iPhone, iPod e iPad é voltado para o acompanhamento do diabetes. A ferramenta facilita o controle das medições de glicose diárias, oferece dicas para uma vida saudável, registro das refeições diárias, programa l…

Depoimento de uma pessoa diabética pode ajudar outros diabéticos a conviver com a doença

O depoimento abaixo é de uma pessoa diabética. Ela diz como é sua vida desde que descobriu a doença e como convive com ela até hoje. Li, senti-me arrepiada e pedi a ela uma autorização para publicá-lo aqui, com a única intenção de ajudar as pessoas diabéticas.

A "blogueira diabética" como se auto-denomina concedeu-me prontamente. Eis o depoimento:



" Quando descobri que tinha a doença (diabetes), aos 17 anos, estava no auge da juventude. Imagina, muita festa, balada, noitada e exageros; foi um choque. Do dia para noite eu vi minha vida virar de ponta cabeça. Na época, em 1994, já existiam alguns produtos dietéticos, mas não como hoje. Lembro muito bem do sabor amargo da Diet Coke, a pioneira nos produtos diet, e o adoçante então? Era um horror, aquele Dietil era simplesmente “intomável”, aqui no Brasil ainda não tinha aspartame. Produtos diet praticamente não existiam, e quando achava um ou outro no mercado era uma fortuna. Lembro que esta fase realmente foi muito difíc…

Hotéis serão obrigados a oferecer comida para diabético

A Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania (CCJ) aprovou nesta quinta-feira (17) o Projeto de Lei 1471/07, do deputado Gilmar Machado (PT-MG), que determina que hotéis e estabelecimentos similares que sirvam refeições ofereçam opção de comida para diabéticos.

O cardápio especial deve abranger refeições, sobremesas e bebidas.


A proposta determina à vigilância sanitária competente que fiscalize o cumprimento da obrigação e, caso a lei não esteja sendo cumprida, submeta o infrator às punições de advertência, multa no valor de R$ 2 mil a R$ 10 mil; ou interdição do estabelecimento.

A CCJ aprovou parecer do relator, deputado Danilo Forte (PMDB-CE), favorável à constitucionalidade e juridicidade do projeto.

Diógenis Santos

Danilo Forte recomendou a aprovação da proposta.
11 milhões de doentes
A doença, que pode causar inúmeras complicações como cegueira, insuficiência renal e amputações, atinge cerca de 11 milhões de brasileiros, segundo dados do Ministério da Saúde. Segundo Forte, …

Dia Mundial do Diabetes: O círculo azul

Imagem

Diabéticos têm maior risco de ter câncer de cólon

Pessoas com diabetes têm um risco um pouco aumentado de câncer de cólon, afirmou um estudo internacional, mas as razões para esta ligação, e o que deve ser feito sobre isso, permanecem obscuras.



Pesquisadores liderado por Hiroki Yuhara, da Universidade da Califórnia, Berkeley, combinaram os resultados de 14 estudos internacionais e descobriu que, em geral, pessoas com diabetes eram 38 por cento mais probabilidade de serem diagnosticados com câncer de cólon do que aqueles que estavam sem diabetes.

Houve também um aumento de 20 por cento no risco de câncer retal, no entanto, que parecia estar confinado aos homens, de acordo com os resultados, publicados no American Journal of Gastroenterology.
"Estes dados sugerem que o diabetes mellitus é um fator de risco independente para câncer de cólon e reto", Yuhara e seus colegas escreveram.
As descobertas não provam que a diabetes contribui diretamente para o câncer de cólon em algumas pessoas.

Os resultados vêm de estudos observacion…

Epidemia de diabetes tipo 2 é iminente

Uma possível epidemia de diabetes tipo 2 é anuncia há alguns anos, desde antes de 2000. Agora, estudo recentes comprovam que sim, uma epidemia de diabetes do tipo 2 pode acontecer em breve.



O diabetes tipo 2 (também conhecido como diabetes não insulino-dependente) possui um fator hereditário maior do que na diabetes do tipo 1. Um fator quase sempre determinante para desenvolver o diabetes tipo 2 é a obesidade e o sedentarismo.

Estima-se que 60% a 90% dos portadores de diabetes do tipo 2 se enquadram nesse grupo. A idade em que é mais frequente o aparecimento da diabetes mellitus tipo 2 é acima dos 40 anos.

O diabetes tipo 2 é muito mais comum que o diabetes tipo 1 o tratamento pode ser eficaz apenas com dieta adequada e exercícios físicos (veja estudo). Alguns casos podem ser necessários medicamentos, ou porque o organismo da pessoa não responde à dieta e aos exercícios ou porque a pessoa não consegue se disciplinar. Outras vezes, além dos medicamentos orais, quem é acometido de diabe…

Diabetes: sintomas diminuem com exercícios físicos

Imagem
O diabetes mellitus é uma doença que se controlada permite uma qualidade de vida normal para seu portador, sobretudo para quem tem diabetes tipo 2, aquele tipo de diabetes mais comumente observado em pessoas com mais de 40 anos e obesas.

Já se sabia que os exercícios físicos contribuem para uma melhora do quadro geral do diabético, aliado a outros hábitos como o controle da alimentação. Desde que estes exercícios sejam feitos com um tênis adequado e sempre com meias que absorvam o suor. 

Isso porque as feridas dos diabéticos demoram mais para cicatrizar, principalmente nos pés por causa da ação da gravidade (afeta a circulação sanguínea).


Pesquisas recentes realizadas na Universidade de São Paulo mostram que o pâncreas dos diabéticos é 26% menor e que com exercícios regulares o pâncreas dos diabéticos aumentam de tamanho, o que na prática gera mais "espaço" para que as células do pâncreas produzam insulina com mais eficiência.

Como foi o estudo

Os cientistas submeteram ratos …

Pâncreas artificial em grávidas diabéticas

Pesquisadores da Universidade de Cambridge demonstraram, pela primeira vez, o potencial de um pâncreas artificial em grávidas com diabetes tipo 1.

Espera-se que ele possa reduzir drasticamente os casos de natimortos e as taxas de mortalidade entre gestantes portadoras desta condição no futuro.



A pesquisa publicada no Diabetes Care, coordenado pela Dra. Helen Murphy, do Departamento Clínico de Bioquímica da Universidade de Cambridge, e colaborado pelo grupo do Dr. Roman Hovorka, do Instituto de Ciências Metabólicas, avaliou a performance do pâncreas artificial ou sistema “closed-loop insulin delivery system” em dez grávidas com diabetes tipo 1.

O estudo mostrou que este dispositivo é capaz de fornecer automaticamente a quantidade correta de insulina, no tempo certo, além de manter os níveis de glicose dentro do normal e prevenir a hipoglicemia noturna - tanto nos estágios precoces, quanto no final da gestação. Este sistema foi criado com a combinação de um monitor contínuo de glicemia …

Diabetes: Alimentos que regulam o açúcar no sangue

Alguns alimentos possuem a capacidade de regular o açúcar no sangue. Isso é de grande valia para quem tem diabetes como também para quem é pré-diabético. Veja alguns desses alimentos abaixo:

Diabetes: Alimentos que regulam o açúcar no sangue
Aveia: É conhecida como um potente regulador do açúcar no sangue. A digestão da aveia é lenta e, portanto, é ideal para controlar os níveis de açúcar no sangue.


Cevada : muitas vezes substitui o café para o pequeno almoço, é rico em componentes valiosos, e é outro alimento que você pode combinar com aveia. Isso lhe dá um duplo efeito positivo sobre o seu corpo.

Brócolis e espinafre: são úteis para aqueles que sofrem de irregularidades de açúcar no sangue. Ao contrário de vegetais ricos em amido, que têm valores de IG elevados, estes vegetais mantêm o corpo equilibrado. Estas plantas são ideais para aqueles que já sofrem de diabetes.

Salmão e carnes magras: são outros alimentos úteis para serem incluídos na dieta. O salmão não é só uma grande fonte de o…

Insulina obtida de esperma

Uma boa - e ao mesmo tempo inusitada notícia para os diabéticos: a insulina em um futuro próximo poderá ser obtida do esperma e reproduzida em laboratório, a resposta fisiológica à falta de pessoas que sofrem de diabetes tipo 1.



Pesquisadores norte-americanos apresentaram os dados dos primeiros estudos em ratos, na reunião anual da Sociedade Americana de Biologia Celular, apesar de existirem ainda muitas etapas antes da transição para o estudo das experiências com seres humanos.


Mas os resultados iniciais foram animadores. Algumas células mãe que geram a insulina extraída dos testículos de ratos e camundongos diabéticos, foram implantadas no mesmo, evitando assim qualquer risco de rejeição. Fonte: ElMundoSalud

Livros de saúde:"Paciente diabético cuidados farmacêuticos"

Imagem
O livros "Paciente Diabético – Cuidados Farmacêuticos" destaca-se de seus congêneres pela simplicidade e profundidade com que o tema é abordado.

O livro apresenta o Diabetes Mellitus em uma linguagem elegante e acessível, fazendo-se compreender essa complexa doença.

A expectativa é que a leitura deste livro como um todo ou consulta de capítulos específicos possa contribuir para um melhor desempenho do profissional farmacêutico como educador do paciente diabético.


O livro traz esclarecimentos para as dúvidas mais comuns em relação à diabetes e ao tratamento, oferecendo subsídios para uma orientação embasada nos avanços científicos mais recentes.

Tendo sempre em mente que o mais importante não é o que sabemos ou transmitimos ao paciente, mas sim as mudanças que o paciente introduz em sua vida a partir das orientações que lhe oferecemos.

"Paciente Diabético – Cuidados Farmacêuticos" destina-se principalmente ao profissional farmacêutico, pois apresentamos nossa experi…

Diabetes mellitus (DIABETES)

Imagem
Diabetes mellitus, o que é?O diabetes mellitus, também conhecido como DIABETES, é um distúrbio do metabolismo que afeta, primeiramente, os níveis dos açúcares (glicose, frutose, lactose, galactose), mas que também tem impacto importantes sobre o metabolismo das gorduras (lípides) e também das proteínas.

Diabetes é -- de forma bastante objetiva e didática -- o distúrbio caracterizado pelo aumento dos níveis de açúcar na corrente sanguínea e, consequentemente, a diminuição dos açúcares DENTRO das células e dos tecidos corporais.


Complicações do diabetes
O diabetes é uma disfunção que, se não tratada e bem controlada, acaba produzindo -- com o correr do tempo -- lesões graves e potencialmente fatais, como o infarto do miocárdio (coração), derrame cerebral (AVC), cegueira, impotência, nefropatia, úlcera nas pernas e até amputações de membros.

A boa notícia é que, quando controlado, todas as complicações crônicas do diabetes podem ser evitadas e o paciente com diabetes mellitus (diabetes) p…

Virus da diabete: virus pode causar diabete em crianças

Os vírus da diabete
Estudo comprova que os enterovírus - agentes infecciosos -
estão associados ao surgimento da diabetes
Uma nova pesquisa levantou uma questão ainda pouco conhecida a respeito da diabete, doença que atinge 240 milhões de pessoas no mundo.

O trabalho comprovou que uma família de vírus - os enterovírus - está relacionada à manifestação da diabetes, particularmente no caso de crianças.

Esses agentes infecciosos são relativamente comuns e provocam sintomas semelhantes aos de um resfriado ou desconfortos gastrointestinais como vômito e diarreia.

A doença é caracterizada pelo acúmulo de açúcar - ou glicose - na corrente sanguínea. Isso acontece porque a insulina, o hormônio que permite a entrada do nutriente nas células, tem sua produção interrompida, reduzida ou fica com a eficiência prejudicada.

Há dois motivos para que isso ocorra: o sistema de defesa do corpo, por alguma razão, passa a atacar as células beta, localizadas no pâncreas e responsáveis pela fabricação da insu…