Postagens

Mostrando postagens com o rótulo otorrinolaringologia

Labirintite tem cura? Quais seus sintomas e causas?

Imagem
Eu, Renata Fraia - farmacêutica, criadora e diretora deste Portal - tive labirintite. Na época, me diziam: É emocional!! Era terrível, quase cheguei a me envergonhar de dizer sobre as tonturas. Mas eu sabia que não era nada disso e explicava a todas elas, que, no fundo, me olhavam desconfiadas. Mas hoje pretendo acabar com esse mito. Na maioria das vezes a labirintite tem cura e na grande maioria das vezes não tem fundo emocional.

O professor titular de Otorrinolaringologia da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, José Eduardo Lutaif Dolci, falou sobre o assunto especialmente ao Saúde com Ciência. Confira!


O que é labirintite e quais os sintomas? A labirintite é um processo inflamatório do labirinto associado sintomas como tontura, náuseas, sensação de que tudo em volta está rodando, desequilíbrio e vômitos. Pode acontecer por muitas coisas e não é um único fator que a gera.

Quais são as causas da labirintite?Há diversas causas da labirintite, começando por doenças d…

Tosse crônica na fibrose pulmonar idiopática poderá ser aliviada com novo medicamento

Está em estudo uma nova formulação que poderá trazer mais conforto, alívio da tosse e melhor aproveitamento dos medicamentos para essas doenças. Saiba mais...

Uma nova formulação feita de cromoglicato de sódio inalado (PA101) mostrou-se eficaz na fibrose pulmonar idiopática e na tosse crônica.

A tosse pode ser um sintoma debilitante na fibrose pulmonar idiopática (IPF) e é difícil de tratar. PA101 é uma nova formulação à base de cromoglicato de sódio para ser usada através de um nebulizador de alta eficiência que permite uma deposição de fármaco significativamente maior no pulmão em comparação com as formulações existentes.

Os cientistas pretendem testar a eficácia e a segurança da PA101 inalada em pacientes com IPF e tosse crônica e, para explorar o mecanismo antitussivo da PA101, também foram estudados pacientes com tosse idiopática crônica.

Esse estudo, liderado pelo Prof Surinder S Birring da King´s College London, sugere que o mecanismo de tosse no IPF pode ser específico da doen…

Perda auditiva: Como manter uma boa audição - dicas!

Imagem
Sabia que apenas 40% das pessoas com problemas de audição reconhecem que ouvem mal. A falta de informação e o preconceito fazem com que as pessoas adiem a consulta ao médico otorrinolaringologista para a detecção da perda auditiva. Mas como prevenir ou pelo menos ‘empurrar’ para a velhice a dificuldade de audição?


A fonoaudióloga Isabela Gomes, da Telex Soluções Auditivas, analisa os problemas causados por maus hábitos e pela poluição sonora e deixa alguns conselhos importantes. A especialista alerta para diversas situações que podem colaborar para a perda auditiva.

Perda auditiva: Como manter uma boa audição - dicas!
1 – Já se constata que a perda auditiva está começando a surgir mais cedo entre moradores de grandes cidades. O grave problema do excesso de barulho piora a cada dia. O trânsito pode ser um grande vilão. Além de incômodo, os altos ruídos afetam a saúde física e psicológica, gerando estresse, ansiedade, aumento da pressão sanguínea. Quando o barulho é intenso e prolongado,…

Surdez: cresce perda auditiva em músicos

Imagem
Contato permanente com o alto volume de instrumentos musicais é danoso à saúde dos ouvidos

Um dos maiores dons que uma pessoa pode ter é o da música. A melodia cantada por uma bela voz ou tocada por meio de um instrumento musical faz bem à alma, ao coração, mas nem tanto aos ouvidos, como alertam médicos e fonoaudiólogos.

É que o contato permanente dos músicos com o alto volume do som pode ser danoso à saúde auditiva. Profissionais de bandas e orquestras costumam se expor com frequência a sons que chegam a 130 decibéis e, por isso, com o passar dos anos, é comum que desenvolvam problemas de audição.


“A medida que o volume da música passa dos 100 decibéis, aumenta o risco de lesões na cóclea – órgão dentro do ouvido responsável pela audição. A frequência até 80 decibéis é que garante segurança e conforto aos ouvidos”, explica a fonoaudióloga Isabela Papera, da Telex Soluções Auditivas.
Um estudo da OMS (Organização Mundial da Saúde) considera a perda de audição relacionada ao ruído mus…

Perda audtiva: Nova técnica cirúrgica auxilia a preservar a audição natural

Nova técnica de cirurgia de implante coclear auxilia na preservação da audição natural

A preservação de restos de audição natural – audição residual – em pacientes com perda auditiva de grau profundo é atualmente um importante desafio na área de implante coclear.

O assunto vem sendo bastante estudado entre os especialistas, e, recentemente, a Equipe de Implante Coclear do Hospital das Clínicas de São Paulo realizou um estudo clínico utilizando uma nova técnica para a cirurgia de implante coclear, com o intuito de preservar ao máximo o resíduo auditivo apresentado pelos pacientes.

Essa nova técnica inclui o uso de medicamentos durante a cirurgia, como a dexametasona e o ácido hialurônico; a inserção do feixe de eletrodos pela janela redonda e o uso de um implante coclear específico e “atraumático”, o Digisonic EVO, desenvolvido pela Oticon Medical.

O implante coclear Digisonic® EVO, foi desenvolvido visando a preservação da audição residual e apresenta um feixe de eletrodos mais fino, …