Postagens

Mostrando postagens com o rótulo reprodução assistida

Proibida reprodução assistida para mulheres com mais de 50 anos

Imagem
O Conselho Federal de Medicina (CFM) publica a atualização da resolução que trata dos procedimentos de reprodução assistida no país. A partir de agora, no Brasil fica proibida reprodução assistida para mulheres com mais de 50 anos.

O coordenador da Câmara Técnica de Reprodução Assistida do CFM, José Hiran Gallo, explica que esta medida levou em consideração a segurança da gestante e da criança: “pesquisas em todo mundo apontam que a fase reprodutiva da mulher é de até 48 anos e após essa idade os riscos são evidentes”.

Antes não havia um limite estabelecido e essa idade foi considerada pelo risco obstétrico. Segundo o presidente da Sociedade Brasileira de Reprodução Assistida (SBRA), membro da Câmara Técnica do CFM, Adelino Amaral, para as mães, após 50 anos, elevam-se casos de hipertensão na gravidez, diabetes e aumento de partos prematuros. E para a criança, os problemas mais comum são o nascimento abaixo do peso e o parto prematuro.


Doação compartilhada - A Resolução do CFM ainda …

Planos de saúde devem cobrir reprodução assistida, defende deputado

O presidente da Comissão de Seguridade Social e Família, deputado Mandetta (DEM-MS), defendeu uma revisão urgente da Lei 9656/98, que regulamenta os planos de saúde, para incluir nos convênios os tratamentos de reprodução assistida de casais com infertilidade.

Ele rebateu argumento da Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) de que oferecer cobertura para a reprodução assistida elevará o preço das mensalidades. “É inconcebível que a ANS utilize um raciocínio econômico em relação ao tema. Depois de 12 anos, a lei precisa se reavaliada”, disse.



A comissão promoveu nesta terça-feira (10) audiência pública sobre o acesso à reprodução assistida, pelo Sistema Único de Saúde (SUS), de pessoas com problema de infertilidade.

O especialista em Regulação de Saúde Suplementar da ANS Jorge Luis da Cunha Carvalho afirmou que o alto custo é uma das dificuldades para obrigar os planos de saúde a oferecer cobertura para a reprodução assistida. “Cada inseminação artificial custa cerca de R $ 2 mil,…