Postagens

Mostrando postagens com o rótulo sintomas

Câncer de laringe: Sintomas e tratamentos

Imagem
Câncer de LaringeO câncer de laringe (um tipo de câncer de garganta) é um dos mais comuns a atingir a região da cabeça e pescoço, representando cerca de 25% dos tumores malignos que acometem esta área e 2% de todas as doenças malignas. Aproximadamente 2/3 desses tumores surgem na corda vocal verdadeira e 1/3 acomete a laringe supraglótica (ou seja, localizam-se acima das cordas vocais).

Sintomas do câncer de laringeNa história do paciente, o primeiro sintoma do câncer de laringe é o indicativo da localização da lesão. Assim, odinofagia (dor de garganta) sugere tumor supraglótico e rouquidão indica tumor glótico e subglótico.

O câncer supraglótico geralmente é acompanhado de outros sinais e sintomas como a alteração na qualidade da voz, disfagia leve (dificuldade de engolir) e sensação de um "caroço" na garganta. Nas lesões avançadas das cordas vocais, além da rouquidão, pode ocorrer dor na garganta, disfagia e dispnéia (dificuldade para respirar ou falta de ar).

Tratamentos do…

Sintomas da Fibromialgia e como conviver com o problema

Imagem
Sem causa ou exame específico, a fibromialgia ainda é uma doença desconhecida, de difícil diagnóstico e subtratada. Cerca de 2,5% da população brasileira sofre com a síndrome chamada fibromialgia. Uma dor lancinante que se espalha por todo o corpo e que vem acompanhada de sensações desconfortáveis e desagradáveis.

Sintomas da Fibromialgia
A identificação dos sintomas da fibromialgia é o primeiro passo para um diagnóstico mais ágil. Trata-se de uma síndrome clínica que se manifesta por dor difusa em todo o corpo. Além da dor, outras queixas envolvem cansaço, sono não reparador (diversos distúrbios do sono que fazem o paciente sair da cama cansado) e distúrbios de concentração e memória.
 “Os indivíduos também podem sofrer de outros sintomas, como cefaleia, tontura, sensação de inchaço, palpitação, dormências nos membros e transtornos do humor. Esses fatores precisam ser bem investigados pelo médico antes do diagnóstico definitivo”; 
Resumo dos sintomas da fibromialgia:

dor difusa pelo co…

O que é sialorreia e como tratar o excesso de saliva

Imagem
Fonoaudióloga explica o que é sialorreia, as causas e tratamentos para o problema.

Um dos mais importantes fluídos corporais, a saliva é responsável pela boa digestão doa alimentos, mastigação, combate a bactérias, entre outros. A produção normal de saliva em pessoas saudáveis é de 1.000 a 1.500 ml ao longo de 24 horas, porém, quando produzida em excesso é sinal de que há algo de errado.



O que é sialorreia Muito mais comum do que as pessoas imaginam ou identificam, a sialorreia, ou seja, o aumento do fluxo salivar é sintoma , ou seja, sialorreia é o aumento de saliva (excesso de saliva) de que há algo de errado com a deglutição e pode ser originada pela falta de controle nos músculos da face, boca, garganta e língua, além de ocasionada por problemas neurológicos como a paralisia cerebral, AVC, Parkinson e outras disfunções do controle neurológico.

Leia também: Pasta de dente em comprimido.

Sialorreia - Causas
As mais comuns causas da sialorreia são: o excesso de saliva pode ser origina…

Apendicite: Sintomas, causas e tratamentos

Para entender o que é apendicite ou apendicite aguda, quais os sintomas da apendicite e as causas e tratamentos da doença faz-se oportuna a introdução abaixo:

Uma vez entendida a origem da palavra apendicite, fica fácil deduzir seu significado. Apendicite é a junção da palavra apêndice + ite. O sufixo "ite" significa inflamação, logo concluímos que...

>> Apendicite é a inflamação do apêndice. <<
Mas o que é apêndice? Apêndice é um prolongamento de uma região que existe entre o intestino delgado e o intestino grosso chamada ceco. O apêndice mede cerca de 10 cm de comprimento, sua forma parece a de um verme (apêndice vermiforme), além de ter um fundo cego. Por muito tempo se acreditou que o apêndice não tinha uma função específica no intestino humano, mas hoje sabe-se que ele produz muco que ao ser liberado no intestino, se mistura às fezes facilitando o trânsito do bolo fecal, facilitando sua eliminação.


Apendicite, Sintomas
Os sintomas da apendicite podem incluir:
In…

Pressão baixa: sintomas, causas, tratamentos e como evitar crises

Saiba tudo sobre a pressão baixa, sintomas, suas causas, os tratamentos e até como evitar as crises de hipotensão, outro nome para essa condição.

Pressão baixa - sintomas
Os sintomas da pressão baixa ou hipotensão são:
tonturas, vertigens, náuseas, falta de concentração, desmaios entre outros, que também podem levar a um choque. 
Leia também:Tudo sobre pressão alta (hipertensão)

Pressão baixa ou hipotensão, o que é?



A pressão baixa (hipotensão) é quando a pressão sanguínea está a 90x60mmHg - popularmente falando - "9/6". Mas algumas pessoas começam a sentir os sintomas já a 10/6 e isso é ótimo já que assim, a pessoa consegue reverter o quadro antes de a pressão cair muito.

A pressão baixa pode não ser um problema quando a hipotensão é desencadeada por doenças subjacentes e quando são assintomáticas.

Os idosos acima de 65 anos são os que mais sofrem de hipotensão postural estando entre 10% e 20%. Normalmente, quando levantamos rapidamente, ocorre uma diminuição da pressão arteri…

Quinoa alivia sintomas da menopausa, 2 colheres dos flocos de quinoa bastam

Imagem
Em um artigo antigo já escrevi sobre os muitos benefícios da quinoa (ou quinua como alguns preferem chamar) e dentre esses benefícios, um deles era aliviar os sintomas da menopausa e TPM devido a sua concentração de magnésio, zinco, ferro e vitamina B. Leia o artigo completo.

Um estudo recente comprova estas propriedades com relação à menopausa. A pesquisa da USP de Ribeirão Preto e da Unesp de Araraquara aponta que a quinoa pode ajudar a combater os efeitos da menopausa, sobretudo aliviando o estresse e a irritação comuns na menopausa (e também na TPM).



O estudo envolveu 35 mulheres, com idade média de 57 anos, que consumiram duas colheres de sopa de flocos de quinoa (foto ao lado) diariamente, misturadas em leite, iogurte ou frutas.

Após quatro meses dessa dieta, os exames mostraram redução nas taxas do colesterol ruim (LDL), que pode levar a problemas cardíacos e circulatórios.

Houve também aumento da taxa de anti-oxidantes, que ajudam a prevenir o desgaste das células, o que signi…