Postagens

Mostrando postagens com o rótulo vacina febre amarela

Vacina da febre amarela tem validade?

Imagem
Você é daqueles que acreditam que vacina da febre amarela tem validade ou tem dúvidas sobre isso?

Até alguns anos atrás, a recomendação era de que a vacina fosse renovada de dez em dez anos, mas em 2014 a Organização Mundial da Saúde (OMS) mudou sua orientação quando conclui que o reforço da dose não é necessário para manter a proteção contra a doença.


No início deste ano o Brasil adotou a recomendação da OMS. Dessa forma, quem já foi vacinado pelo menos uma vez contra a febre amarela não precisa tomar outra dose da vacina.

Isso porque a avaliação sobre a vacina da febre amarela mostrou que uma única dose é suficiente para proteger contra a transmissão da febre amarela.

Tomei a vacina antes da mudança. O que faço?
Não é necessário se vacinar novamente. A vacina continua sendo a mesma. O que mudou foi o entendimento sobre a sua validade que até alguns anos atrás não era totalmente conhecida.

Este tipo de revisão da validade de uma vacina pode acontecer porque são necessárias vários anos…

Quem deve se vacinar contra Febre Amarela?

Imagem
OPAS/OMS atualiza alerta epidemiológico sobre febre amarela nas Américas, confira se você precisa se vacinar...

A medida fundamental para prevenir a febre amarela é a vacinação. Mas, por enquanto, nem todos precisam se vacinar já que moram em áreas urbanas ou não viajarão para áreas de risco. Por quê?

Porque o tipo de febre amarela em curso é a forma silvestre, ou seja, está ocorrendo apenas pela picada pelo mosquito Haemagogus -- que vive em florestas e parques como o horto florestal.

Ainda não foi notificado nenhum caso da forma urbana da doença, causada pela picada do mosquito Aedes aegypti.


Vacinação contra febre amarela
Quem vive ou se desloca para as áreas de risco deve estar com as vacinas em dia e se proteger de picadas de mosquitos.

Apenas uma dose da vacina é suficiente para garantir imunidade e proteção ao longo da vida. Efeitos secundários graves são extremamente raros.



Pessoas com mais de 60 anos só devem receber a vacina contra febre amarela após avaliação cuidadosa de ris…

Vacina única para febre amarela

Imagem
O Ministério da Saúde informou que vem analisando a possibilidade de dispensar a dose de reforço da vacina contra a febre amarela, mas que ainda não reuniu dados suficientes para tomar a decisão. Estaria criada, assim, a vacina única para febre amarela.

"Estamos avaliando essa hipótese há algum tempo, de que que a vacina contra a febre amarela talvez não demande o reforço em dez anos, tenha proteção mais prolongada. Há duas semanas, durante reunião do comitê técnico da área, foi apresentado um relatório parcial do acompanhamento que fazemos no Brasil. Mas ainda não havia evidências para recomendar a não utilização da segunda dose", explicou Jarbas Barbosa, secretário de vigilância em saúde do ministério.

Hoje, a OMS (Organização Mundial da Saúde) divulgou uma nova orientação, dispensando o reforço após dez anos da vacinação.

"Desde que a vacinação contra a febre amarela começou, na década de 30 do século passado, foram identificados apenas 12 casos da doença após a vac…